[Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Novo Tópico   Responder ao tópico

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Hagen Bernhardt em Qui Abr 26, 2018 5:12 pm

E era revelado o campo de batalha, muitos corpos e inimigos estavam a sua frente, um garou praticamente sozinho dando conta dos Draugrs e a fúria sobe na cabeça de Pavor-de-Jörmungandr, ao ver vários corpos humanos no chão.  Rapidamente o garou se desloca ao mesmo tempo em que vai modificando a sua forma e se tornando maior e feroz crinos, uma grande fera assassina com pelagem cinza e branca, garras enormes claras e que pulsava sua ferocidade.

Se deslocando, Hagen se projeta no ataque, dando uma garrada no primeiro vampiro que era algo monstruoso e fedia o cheiro da corruptora, era doentio e seu olhar era digno de criaturas vis, deveria ser exterminado, era uma doença, Hagen era a cura que estava no seu caminho. O ataque fora bem projetado cortando o ar pela lateral até chegar na carne do draugr. O vampiro ataca também, os dois mutuamente se ferindo. Hagen esperava que os vampiros se disperssassem e que houvessem mais galliards combatentes, se todos lutassem acabariam rapidamente com os vampiros.


OFF:
Gasto de fúria - 2 ptos
Teste de transformação crinos - sucesso.
Teste em deslocamento - sucesso. (Gasto 1 de fdv).

Ataque com garras:
2 sucessos + 1 de fdv.
Vampiro contra ataca com 4 sucessos.

Danos:
Hagen causa 7 - vampiro   2 = 5 de dano
Vampiro causa 7 - Hagen absorve 3 = toma 4 de dano.

Ganho 1 de fúria.
avatar
Hagen Bernhardt

Mensagens : 320
Pontos : 319
Reputação : -1
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 33
Localização : Noruega, Høvringen

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Henry Donnelly em Qui Abr 26, 2018 5:47 pm

*Por Gaia! O que está acontecendo comigo? Pareço um filhote assustado e não um guerreiro de Gaia.*

Observando a situação que estava inserido, começa a ter algumas ideias.

*Preciso proteger o jovem Theurge, mas preciso ajudar os humanos e os outros Garous que estão lutando. Vejamos... o aeroporto está sendo atacado por vampiros e esses malditos querem algo no setor de cargas. Eles estão em maior número e com munição de prata. Logo seria, muita burrice entrar em combate contra eles.*

"- Escute, por mais doloroso que possa parecer para um Fenrir, estamos no meio de uma situação em que o combate não será prazeroso e muito menos benéfico para a gente. Primeiro, eles são mais numerosos e ainda possuem prata. Segundo, esse ataque não foi feito ao acaso, mas teve um preparo. Não é qualquer um que sabe como fazer uma operação dessa forma. Além de terem a vantagem em números, ainda possuem o conhecimento do terreno. Por Gaia. A nossa única vantagem é eles não terem consciência que estamos aqui. Então, faremos uso disso!"

Com isso, resolveu mudar para glabro, assim a discrição seria mantida e ele poderia agir mais furtivo do que um monstro gigantesco.
____

OFF: Teste de mudança de forma feito com dois sucessos.
____

"- Não sei qual é o gelo que corre em suas veias, mas peço que me siga. Entendeu, Espírito-Tranquilo?"

Saindo do esconderijo que tinham encontrado, Henry começa a se esgueirar furtivamente pelo saguão de entrada em direção à saída, buscando um caminho para longe do combate, onde poderá estabelecer uma rota de fuga para seus companheiros.
____

OFF: 2 sucessos obtidos, para sair sem ser notado do saguão em direção da saída, para o lado contrário ao combate.
____

*Se um Ragabash estivesse aqui, ele provavelmente estaria levando esse grupo em segurança, mas como não temos um presente, farei seu trabalho. Afinal, garantir uma passagem segura, também é uma estratégia de batalha.*
______
Henry "Canção-dos-Antigos-Espíritos" Donnelly
Carisma: 3 / Aparência: 2 / Raça Pura: 3 / Fúria: 4
Idade aparente: 18 anos / Altura: 180cm
avatar
Henry Donnelly

Mensagens : 11
Pontos : 11
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Qui Abr 26, 2018 6:53 pm

Rob segue o plano que propôs , ele estava ansioso para mostrar aos seus companheiros o motivo de ser chamado de Uivo Flamejante, e agora chegara a hora. Pavor se transforma em crinos e parte pra cima.

*Por Gaia como é bom lutar ao lado de um Ferris, eles sempre tomam a dianteira, são ávidos pela glória e por isso perdem o que chamo de momentum da batalha. Mas não tenho tempo de pensar meus irmãos estão sangrando e como prometi, ninguém morre hoje e derramaremos o sangue juntos. Que seja antes o do inimigo do que o nosso. Não entendo o motivo de Henry correr da batalha quando mais precisamos de  suas garras na batalha. Cada inimigo que derrubarmos com uma arma pesada seria um ferimento a prata a menos em um Garou, Uivo precisava agir o quanto antes.*

-Raullllllllllll – um longo Uivo gutural e penetrante ecoa por todo o aeroporto, todos sentiam que aquele não era um uivo normal, e o cheiro de medo começava a se alastrar pelos inimigos de Gaia, as mão começavam a tremer e o mal estar era geral. Rob naquele momento era todo vazio, ele precisava está concentrado ele precisava sentir as batidas de seu coração, elas que ditavam o compasso da musica de guerra, e como a musica era bela.

Rob, o Uivo Flamejante vê Henry saindo pela tangente, não acredita no que estava vendo, com tudo o que ele tinha falado e mesmo assim ele foge. A linhagem dele deve estar cuspindo no chão nesse momento em ver um Guerreiro de Gaia vendo seus irmãos morrerem, se entregando a vida para dar a ele a oportunidade de viver, mas com que honra? Ali na batalha estavam a mais pura linhagem dos Garous dando suas vidas por qual linhagem? Uma desconhecida, espero que no final ele reconheça isso, mas Rob ainda tinha um trunfo na manga para Henry não manchar pelo menos
o nome da Tribo

-RRRRRRRRRRRRRRAULLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL – agora esse Uivo era mais longo, todos os Guerreiros de Gaia ouviram um uivo indescritível para os humanos mas bem conhecido entre os garous principalmente os Fianna, o famoso chamado de Guerra, um uivo pedindo socorro e que ali este Guerreiro de Gaia iria morrer se preciso para fazer o que estava destinado a fazer, Lutar e morrer por Gaia. Rob não só o fez, como acreditava que esse era seu destino, e enquanto Gaia o permitisse iria sempre lutar por ela e ser testemunha de toda essa guerra passando os fatos as gerações futuras. Essa entrega é difícil de se ver, pois sua paixão e o fogo com que o faz, fazem todos ali acreditar que era possível vencer essa batalha.

*Rob corre saltitando e meio que desviando dos assentos, quase como em uma dança, a dança de Guerra do Uivo Flamejante. Nem sei como descrever o que esse vampiro sentiu, ao ver aquele enorme lobo vermelho saltando por cima, enquanto ainda estava no ar Rob o convida para dançar sua dança, então tasca uma mordida rápida e precisa em seu ombro, travando o movimento  do lobo no ar, gerando assim uma alavanca para rodopiar com o seu parceiro de dança. Que sacudindo de um lada para outro solta a uzi que mirava em Pavor que já estava ferido. O corpo cai no chão e Rob fica com um gosto amargo de sangue ruim na boca.*

---------------------------------
OFF:
Gasto 2 Furia
       1-Todos os inimigos estão com redutor de 4 dados devido ao primeiro Uivo ate o final da cena
       2-Todos os Aliados estão com bônus de 3 dados devido ao segundo Uivo até o final da cena
       3-Ataque com mordida 7  - 6= 1  sucessos
       
       Danos: Vampiro: 7 de dano


Última edição por Rob, Uivo Flamejante em Qui Abr 26, 2018 8:57 pm, editado 1 vez(es)

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Qui Abr 26, 2018 7:30 pm

//Forma atual: Glabro.

"Fala muito, escuta pouco, péssimas características..."

Swift pensou exasperada, voltando-se para o salão e procurando entre os draugr "mulheres" alguma com meios de se comunicar com os outros grupos, deu um leve e baixo rosnado satisfeito quando a achou e começou a correr em sua direção.

"Você, você."

Enquanto isso, Pavor avançava e se transformava, já ao encontro de um inimigo, e uma porta, A porta que dividia os salões, voou por aquele caótico local em direção a diversos inimigos.

"Que ótima ideia!"

Quando Siggy finalmente chegou em seu alvo, utilizou o impacto de sua velocidade para dar um encontrão e derrubá-lo ao chão, mas a draugr desviou com fluidez e maestria, e a glabro passou direto de forma patética, parando justamente no meio do grupo de vampiros.

"Mas que CARALHOS!"


OFF: Já tinha rolado minha ação com o Zero mais cedo, só não tinha postado, então em efeitos de on, ainda não está contando com os dados do Rob. Smile

Tô considerando até o post do Hagen para interações/pensamentos.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Swift-Claws-Of-Sif | Pata-Dourada | Canção-dos-Antigos-Espíritos | Pavor-de-Jörmungandr | Uivo-Flamejante | Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em Qui Abr 26, 2018 9:37 pm

O Presas de Prata não esperava mesmo por aquilo. Haviam Garous no aeroporto que se colocavam a lutar ao seu lado. Mas... até quando? O Ancião sabia que tinha uma promessa a honrar e que jamais a trairia e entre rosnados fala:

'- Vão embora! Eu não quero ferir vocês!' 

O Presas de Prata se concentra por uma fração de segundo e seus pêlos assumem um tom dourado e passam a emanar forte calor, muito incômodo até para os Garous, mas pior ainda para os vampiros. Sua Gran-klaive tinha a sua lâmina envolta em chamas e com um rasgo no ar, o Garou faz uma mini-onda de fogo que atinge cerca de sete vampiros que se resumem automaticamente a cinzas. Tais Vampiros circundavam Swift-Claws-of-Sif e o golpe do Ancião diminui seu numero de oponentes imediatos a apenas 3.

Os três Tzimisces derrubados por Pata-Dourada começavam a se levantar, erguendo também a porta outrora arremessada. Ao lado deles, um Vampiro de pele muito pálida e com uma sub-metralhadora nas mãos faz surgir 3 Tentáculos de sombras em volta da Fianna. Aqueles braços a atacariam em breve. Canção-dos-Antigos Espíritos ainda não havia sido notado pelos vampiros. Pavor-de-Jörmungandr tinha a iniciativa conta seu adversário e já via outros dois se deslocando para lhe atacar. Mesmo com a iniciativa, o Fenris notava que o Vampiro de garras parecia mais rápido a esse momento.

Uivo-Flamenjante era o mais próximo de Pavor-de-Jörmungandr e também via dois vampiros com Garras vindo em sua direção, ambos pareciam se mover um pouco mais rápido que o normal até mesmo para um vampiro. O maior alvo dos vampiros era o portador da Gran-Klaive. Inúmeros ataques com todos os tipos de armas eram feitos na direção dele, mas havia algo sobrenatural que tornava-o difícil de se atingir e, com os uivos do Fianna, a imperícia dos Vampiros se tornava ainda maior.

------
Resumo da Cena




Total de Vampiros no Saguão: 36
Total de Vampiros Vivos: 23
Total de Vampiros sem Ação Nessa Rodada: 03 (derrubados por Pata-Dourada)
Total de Vampiros Mortos:13
Total de Vampiros em Fuga: 00


Distância de quem sair pela porta até o local onde ocorre o combate: 06 Sucessos
Distância da Porta p/ o Saguão à saída: 08 Sucessos em sentido oposto aos 06 Sucessos
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Hagen Bernhardt em Qui Abr 26, 2018 10:04 pm

Hagen estava no meio da batalha, aquele draugr era dificil de cair, mas cruzara o caminho de Pavor e sua vida seria ceifada.

Hagen escuta o ancião e prontamente fala:

- Vamos matar esses draugrs!!! Estamos com você!!!

Hagen se prepara para dar sua mordida no sanguessuga, preparado para dar o bote ele ataca de forma violenta mas o vampiro esquiva, ao mesmo tempo ele se aproveita do espaço e morde Hagen, nem um grunhido de dor é emitido, Hagen não sente dor e assim com a proximidade usa sua garra para abrir o sanguessuga ao meio.



' - Fenrir conte os mortos!
'

Hagen percebe mais se aproximando, iriam cair diante do Pavor de Jörmungandr
.

OFF:
Gasto de Fúria
1. Mordida de Hagen e vampiro esquiva.
2. Mordida de vampiro, rola  dano mas é todo absorvido.
3. Ataque de garras de Hagen, vampiro bom é vampiro morto.
avatar
Hagen Bernhardt

Mensagens : 320
Pontos : 319
Reputação : -1
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 33
Localização : Noruega, Høvringen

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Qui Abr 26, 2018 10:34 pm

//Forma atual: Glabro.

No calor da batalha a movimentação de Henry passou desapercebida, e os uivos de Rob a incitaram ainda mais mesmo na situação que havia se colocado. Situação essa que logo foi resolvida em fração de segundos pelo poderoso Presas de Prata.

-"Obrigada, mas não." - Foi sua resposta direta, enquanto seu semblante, mesmo na forma de glabro, parecia se tornar mais feral e animalesco, Siggy parecia se tornar maior e mais ameaçadora diante da vista de seus adversários. Após um breve rosnado em direção aos três vampiros que ainda persistiam, concluiu:-"Só quando todos estiverem mortos."

"Eles, ou nós..." Completou internamente, enquanto usava seu ante-braço para aparar e desviar o golpe da Draugr que a atacava com um punhal de prata, ao mesmo tempo que era alvejada por um tiro de prata que a fez ranger os dentes de dor e fúria, por último, esquivou-se com um movimento de seu corpo, jogando parte de seu ombro para trás, da tentativa pífia de mordida vinda do vampiro.

"O draugr quer morder A MIM!?"

Com ímpeto Siggy atacou, não o tolo que havia tentado lhe morder ou aquele que lhe ferira, mas seu alvo inicial, a draugr com o punhal de prata. Entre rosnados ela usou suas poderosas garras de garou para disferir um corte tão profundo que a criatura morreu no mesmo instante, rápido até demais para seu gosto. Swift, então, inclinou a cabeça um pouco para o lado e sua atenção voltou-se ao vampiro armado: "Vamos dançar..."

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Qui Abr 26, 2018 10:40 pm

*Tudo acontece muito rápido, mas para Rob era o estilo musical que ele gostava de dançar sempre de forma frenética e violenta. Ele se concentrava em seu plano e OUUUUUU que foda, aquele Ancião não estava para brincadeira o cara queimou 7 vampiros. Pera ele tá pedindo pra nos retirarmos? Não, não isso tá errado. Dessa vez vou me esforçar mais pra ele perceber que tenho ovos também caralho! Temos que passar confiança para o ancião*

*Merda parece que ninguém ouviu aquela vagabunda fornicadora da Wyrm falar pra usarem a munição de prata (caralho eles devem ser ricos também) Mother Foka Erin olha o cara com a Uzi. Sem tempo e sabendo que era a melhor opção Uivo Flamejante corre na sua forma frenética para ajudar Pata Dourada, ao ver a porta no chão têm uma ideia. Ela fala pouco mas sabe pensar pensa, afinal eu falo por todos aqui e mais um pouco né rsrsrssrsrs*

*Rob rodeia o Vampiro e morde na sua lateral o prendendo-o em sua dança, nem dá pra sentir direito a dor pois assim que os dois que se aproximavam de Rob com uma velocidade sobrenatural, ele gira o vampiro em sua boca e o arremessa derrubando os 3 "Strike", os três vão ao chão com o impacto. O mais importante é que a uzi está fora de uso. Rob fica olhando os dois levantarem do baque*

-RRRRRRRRRRRRRRR - Rosna Rob babando sangue e ainda tinha algumas viceras em sua boca. Seu pelo vermelho tingido com um vermelho mais rubro ainda. Apenas dois vampiros se levantam.

*Então Rob salta em um bote mortifero, sua dentada penetra tão profundamente que na hora espirra mais sangue pra todos os lados, mas dessa vez ele não solta o corpo e o usa como cobertura*

------------------
Resumo da Cena
Gasto 1 de Furia

Dano no primeiro vampiro:5 (KIA)
Dano no segundo Vampiro:10 (KIA)

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Erin Johannes em Sex Abr 27, 2018 1:57 am

Forma atual: Crinos

Estava ficando quente ali, tanto metafórica quanto literalmente. Era vampiro queimado pra todo lado. Por ali, Rob deu um salto e livrou Para Dourada dos vampiros próximos que estavam armados ainda. Os tentáculos se aproximavam da galliard Fianna que, na visão geral vira Siggy e Pavor aparentemente sob controle.

No entanto, as criaturas bizarras que derrubara anteriormente já começavam a se levantar. Em um gesto rápido, voltou alguns passos e arrancou uma trilha de longarinas (cadeiras de aeroporto), jogando-as contra as criaturas e derrubando-as novamente no chão.

Achou que, com essa manobra, estaria longe dos tentáculos, mas estava errada. Dois tentáculos agarram nas suas pernas e um na cintura.

- "MALDITO!!! VOU ACABAR COM VOCÊ, CRIATURA ASQUEROSA!!!

OFF:
1 de fúria gasto para ação extra de recuar até as cadeiras.
avatar
Erin Johannes

Mensagens : 20
Pontos : 20
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 39
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Swift-Claws-Of-Sif | Pata-Dourada | Canção-dos-Antigos-Espíritos | Pavor-de-Jörmungandr | Uivo-Flamejante | Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em Sex Abr 27, 2018 2:46 am

Os jovens desconhecidos não iam e, sem conhecê-los, ele temia não apenas por si, mas também pela vida deles. Ao menos não pareciam ter vindo para caçá-lo. Seria desagradável e bizarro se fosse o caso. Falcão-Vingador-de-Caronte emite um poderoso rosnado que atrai a atenção de todas, absolutamente todas as criaturas da Wyrm. Os combates são abandonados (mas Erin segue presa pelos tentáculos) e as criaturas avançam atacando o Garou com tudo que tem, mas não acertando sequer um golpe. Com sua Gran-Klaive, Isaack ia retalhando os vampiros mais próximos, nessa leva tinham ido mais 4.
------
Resumo da Cena




Total de Vampiros no Saguão: 36
Total de Vampiros Vivos: 14
Total de Vampiros sem Ação Nessa Rodada: 03 (derrubados por Pata-Dourada)
Total de Vampiros Mortos:19
Total de Vampiros em Fuga: 00


Distância de quem sair pela porta até o local onde ocorre o combate: 06 Sucessos
Distância da Porta p/ o Saguão à saída: 08 Sucessos em sentido oposto aos 06 Sucessos
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Sex Abr 27, 2018 4:27 am

//Forma atual: Glabro Hominídeo

"Não, não, não..."

Cantarola em sua mente ao ver os dois inimigos que ainda estavam de pé "abandonarem" o combate, e sua mão direita em forma de garra rasga num golpe de baixo para cima as costas do vampiro armado. E em vez de continuar atacando o Draugr ferido como sabia que seria mais eficiente, Siggy divide seus esforços e sequer usa suas garras garou, e com agilidade apoia-se no ombro do outro e lhe aplica uma joelhada na base de sua coluna tão forte que qualquer humano ficaria tetraplégico na hora, mas a Fenrir não estava batalhando nenhuma criatura frágil, e o vampiro sai completamente ileso de seu golpe.

E antes que fosse possível fazer qualquer outra coisa, uma bala de prata lhe atinge na barriga, e sem sequer um ganido de dor ou rosnado de raiva ela cai desacordada no chão, seu corpo voltando a (forma humilde que merece) sua natural forma humana.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Sex Abr 27, 2018 2:39 pm

*O Show não pode parar! E o seu parceiro já não aguentava mais dançar. Apesar dos outros Garous não seguirem as ordens que Uivo Flamejante ordenara estavam se aguentando como podia. O grande lobo rubro girava com o corpo dilacerado em sua boca girando para analisar melhor o combate.

*Finalmente Pavor mata seu oponente, Siggy estava indo bem, o que ela tá fazendo? Merda sabe quando você sabe o que têm que fazer e faz exatamente o oposto só por quê foi um Fianna que mandou? Acho que eles não me ouviram e estão tentando morrer! Porra eu disse ninguém morre aqui! Não hoje. Ela virou as costas para o vampiro ferido e armado com as MALDITAS BALAS DE PRATA que pedi para focar neles, grande erro. Hã!! Não acredito ela vai realmente trocar socos com vampiro? Ela não aprendeu que eles já estão mortos? Por Gaia onde foi que me meti, ainda bem que o ancião entornou um grito da Wyrm e assim posso ajuda-la

*Rob solta seu parceiro olha Erin presa nos tentáculos, corre na direção do Lasombra com a Uzi que se virou para o Ancião e salta por cima dele o derrubando e o estraçalhando com mordidas de um lado para o outro. Uivo Flamejante sente que ele não queria mais dançar e solta esse parceiro. Rob vê que os tentaculos que prendiam Erin se desfaz com a morte do Lasombra.

-RRRRRRRr (Pata Dourada) RRRRRRRRRRRRRRRRRRRR(Derrube um vampiro e pegue essa porta e use como escudo para proteger Siggy) RRRRRRRRRRRRR (Vou abrir o caminho) – disse Rob na linguagem Garou – RRRRRRRRRRR (EU DISSE NINGUÉM MORRE HOJE!

*E parte para mais uma dança, não havia dado nem tempo para sentir que havia derrubado um dos guerreiros de Gaia, não tinha dado tempo para a Wyrm sorrir, Rob iria arrancar qualquer esperança de vitorias desses mortos-vivos nem que tivesse que o fazer sozinho e com o ancião. Então a dentada dilacera o corpo do vampiro que abatera Swift Claws, nem fora uma mordida profunda mas ele cai inerte

-RRRRRrrrrrrrrr(Pavor vamos lutar juntos e dar uma brecha para Pata Dourada) RRRRRrrrrrrr (tirar Swift Claws daqui em segurança)




--------------------------------------------------
OFF: Gasto: 1 Furia


Combate:
Ação 1: Dano no Lasombra: 8 (KIA)
Ação 2: Dano 5 Vampiro (KIA)

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

ESPÍRITO TRANQUILO (homenídeo) - NARRAÇÃO | SWIFT-CLAWS-OF-SIF | PATA-DOURADA | CANÇÃO-DOS-ANTIGOS-ESPÍRITOS | PAVOR-DE-JÖRMUNGANDR | UIVO-FLAMEJANTE

Mensagem por Espírito Tranquilo em Sex Abr 27, 2018 4:45 pm

É chamado para seguir a um lugar seguro pelo galliard. Mas não poderia ali sair e deixar os outros, sentia que correr ali era um erro. 

  * Não ser um peso aos outros... Diz a Litânia... Impuro já nasce como um peso...*

  Ele tinha que fazer algo. Correr não era uma opção. Respirou ali e ponderou um instante. E logo olhando Henry se posicionou, e não saiu correndo junto do outro.

  "- D-desculpe, mas preciso fazer algo. Não o seguirei.."

  Concentrou-se e decidiu que era melhor chamar o auxílio de um espírito e poder dar um apoio aos garous que lutavam. Iniciou uma oração na língua dos espíritos enquanto conjuração.

  " - Helios, iluminar e trazer vida junta a Gaia, ser paip junto da mÁãr, iluminar mente da escuridão, afastr maldade das trevas. Precisar de teu auxílio, enviar um de teus servos, combater aqueles que te temem, aqueles que fugir da luz, combater aqueles que fingir viver e andar pelas trevas. Trazer sua luz e calor... Espírito-Tranquilo implorar auxílio."

  O coração estava cheio de esperança de ser útil naquele momento difícil. De conseguir manter os garous vivos e trazer a eles a vantagem na luta. Mas assim que terminou o seu ritual nada mudou. Não percebia nada ali. Sabia que tinha feito do jeito certo. Mas tudo estava parado não sentia a energia de Helios.
  Talvez tivesse falhado, não sido útil, era alguem falho desde nascimento um impuro. Esperava ali ao menos poder correr a tempo ao saguão e poder fazer algo e compensar aquela falha.

  *Não morram...*
  
  Então começou a sentir o espírito se aproximando. Afinal não tinha falhado, mas talvez a distância que o espírito ia percorrer era longa e o theurge não era tão eficiente em o convocar rápido.

  *Por favor Helios, seja rapido em seu caminho, precisamos de tua luz e calor...*
--------------
OFF: 
Conjuração de espírito: gastando força de vontade 1 sucesso.
Harmonização: 2 sucessos...

Funcionou, mas o espírito ainda não chegou...
avatar
Espírito Tranquilo

Mensagens : 167
Pontos : 167
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Hagen Bernhardt em Sex Abr 27, 2018 5:26 pm

A batalha estava ficando mais tensa, a fenrir Skald caira em combate, Hagen não sabia se tinha sido descuido ou qualquer outro motivo, estava concentrado em seus oponentes e não estavam sendo fáceis, não podia ter uma visão de tudo o que acontecia, eram muito rápidas as ações. Escutara Rob berrando, realmente o garou era bem tagarela, Hagen escutara algo sobre aliviar Erin, tinha que matar o máximo possível de vampiros para poder abrir a visão dentro da batalha e assim poder partir ou para aliviar a Fianna ou para acudir a fenrir. No momento o Garou com raça pura alta chama a atenção dos vampiros e assim abre-se mais possibilidades de atacar, Hagen parte para os mais próximos, desferindo uma garrada cortando o vendo na lateral direita, o resultado era o vampiro sendo rasgado ao meio como papel. A segunda Garra Hagen usa, cortando o ar pelo lado esquerdo, mas não fora eficaz o ataque e cortou o ar apenas, o fenrir iria continuar suas ofensivas, até chegar próximo de Siggy, ele olhara e sabia que o lobisomem desconhecido iria também fazer seu papel, deveria ser alguém de posto muito alto, Hagen estava calado em seus ataques e pensa apenas rapidamente.

"Aonde está o outro Fianna?"


OFF:

Gasto de Fúria
Sucesso em garras - Vampiro morto no ataque
Sem sucessos no Segundo ataque.
avatar
Hagen Bernhardt

Mensagens : 320
Pontos : 319
Reputação : -1
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 33
Localização : Noruega, Høvringen

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Erin Johannes em Sex Abr 27, 2018 6:30 pm

Pata-Dourada já estava animada pensando em arremessar aquela criatura da Wyrm pelos tentáculos quando Uivo Flamejante passou rasgando tudo pela frente, rodando e rosnando algo sobre pegar a porta. *É muita adrenalina*, pensou. E então, já não havia mais tentáculos sobre ela.

Tomando um impulso, deu um salto cruzando alto o salão e caindo onde estava Siggy desacordada. Pegou-a rapidamente no colo e, com outro salto cruzando o ambiente, afastou-se um pouco da área de combate direto onde a Fenrir estava.

*Tanto furor pela batalha... E agora tão frágil em meus braços*, pensou.

----
Gasto de 1 Ponto de Fúria para ação extra
Uso do dom Salto do Salmão sobre o salão para alcançar Siggy e novamente para voltar com ela no colo.
avatar
Erin Johannes

Mensagens : 20
Pontos : 20
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 39
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Swift-Claws-Of-Sif | Pata-Dourada | Canção-dos-Antigos-Espíritos | Pavor-de-Jörmungandr | Uivo-Flamejante | Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em Sex Abr 27, 2018 10:50 pm

Pelo Walkie-Talkie de uma das vampiras mortas era possível ouvir a mensagem que provavelmente era dita por um dos comparsas dela:

'- RECUAR! RECUAR! JÁ TEMOS LOTTE E AS ARMAS, PERDEMOS OS QUÍMICOS...'

- BUM -

Uma enorme explosão vinha da região da pista. O Ancião dos Presas de Prata com sua Gran-Klaive com lâmina flamejante rasgava o corpo de mais quatro Vampiros que tentam lhe acertar. Nenhum deles acertava o Garou que era o alvo de todos os inimigos ainda por ali. Três vampiros se transformam em névoa e começam a ir embora do local.

Espírito-Tranquilo sente que o Solaris por ele convocado se aproximava. Em pouco tempo estaria ali. Henry seguia furtivamente protegido no saguão em direção à saída.

------
Resumo da Cena

Total de Vampiros no Saguão: 36
Total de Vampiros Vivos: 07
Total de Vampiros sem Ação Nessa Rodada: 00 
Total de Vampiros Mortos:29
Total de Vampiros em Fuga: 03

Distância de quem sair pela porta até o local onde ocorre o combate: 06 Sucessos
Distância da Porta p/ o Saguão à saída: 08 Sucessos em sentido oposto aos 06 Sucessos
Distância de Erin e Siggy para o Combate: 04 Sucessos
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Hagen Bernhardt em Sab Abr 28, 2018 12:42 pm

Estavam diminuindo o número de vampiros, o fenrir continuaria a sua ofensiva, atacando os draugrs para que pudessem sair dali o mais rápido possível. Hagen desfere um golpe com sua garra novamente, rasgando o oponente ao meio e espalhando sangue, em seguida parte para cima do outro draugr e o morde, mas ao escutar uma palavra do rádio...

"Preciso saber aonde vão e porque estão fazendo isso...malditos!"

Hagen se distrai e sua mente o trai quando remete ao seu passado, fazendo o garou ficar alheio ao combate e se descuidando, sua mandíbula não pegou em cheio e assim o vampiro não pereceu, atirando com sua arma uma bala de prata, Com o tiro Hagen cai desmaiado, fruto de sua desatenção.


OFF:
Gasto de fúria - 1
Ataque de garras - sucesso, vampiro morto.
Ataque mordida - sucesso, pouco dano, vampiro atira Hagen cai desmaiado.
avatar
Hagen Bernhardt

Mensagens : 320
Pontos : 319
Reputação : -1
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 33
Localização : Noruega, Høvringen

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Sab Abr 28, 2018 1:15 pm

*Rob estava aliviado ao ver Erin tirando Swift do perigo, assim ele e Pavor poderiam se concentrar em derrubar os últimos vampiros ali. O ancião continuava implacável, a Grand-Klaive não tinha dificuldades em atravessar os corpos dos mortos-vivos, mesmo aqueles mais fortes não seria problema para um fio de uma arma tão espetacular.*

*Então é isso? Os Garous estão aqui somente por causa das armas químicas. Ainda bem, pois se não houvesse essas armas eu estaria morto agora. Cada vez mais percebo que Gaia guia todos seus filhos para um propósito e espero ter aprendido isso e reconhecer quando chegar a minha hora assim como Pé de Briga reconheceu a sua.*

-RRRRrrrrrrRRRRRRRrrr (Agora chegou a nossa hora Pavor de Jörmungandr!) RRRrrrrrRRRR (MORTE A WYRM!!!)

* O ancião olha para os filhotes com um olhar que Rob não conseguia decifrar se era de orgulho de crianças tão valentes ou de serem tomados pela euforia juvenil e inspirado por canções dos heróis antigos se jogarem a boca da Wyrm de forma tão imtrépida, mas ele realmente não se importava com que o ancião pensava naquela hora, ele sempre iria fazer o seu melhor. Pavor se lança ao inimigo e tira suas tripas com suas garras, e parte para o próximo e em vez de golpeá-lo novamente com as garras o segura com uma dentada no ombro, a dor do vampiro era nítida, e logo ele não sentiria mais nada. Ledo engano de Rob aquele se manteve em pé. Não, não, Pavor!*

-BANG, BANG – o vampiro começa a atirar a queima roupa munição mortífera para Garous

*Rob não pensou duas vezes. NINGUÉM MORRE HOJE! MALDITOS CRIAS QUEREM FODER COM MINHA PALAVRA! E parte antes que a rajada completa acertasse seu companheiro. Uivo Flamejante passa ao lado dos dois e arremata em uma dentada o morto-vivo que continuava a atirar a esmo sem eficiência. Rob o sacudia de um lado para o outro em sua corrida, até que em seu último suspiro de não vida solta a arma. Rob acaba sua dança de costas para escada rolante assim não poderia vir tiros dali e na sua frente mantinha o corpo do moribundo erguido pelos seus dentes que afundaram na carne fundo. *

-------------------------------------
OFF:
Ataque Investida: Acerto
Dano:8 de Dano no vampiro (KIA)  

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Henry Donnelly em Sab Abr 28, 2018 1:53 pm

*Merda! Esses caras não entendem a loucura que é fazer um ataque sem planejamento? A situação se torna mais preocupante que nunca. A Galliard Fenrir demonstrou uma grande proficiência em combate, porém foi ferida, fazendo com que ela voltasse a sua forma original. Os primos Fianna estiveram tendo problemas com esses vampiros, mas conseguiram ir às forras. Não sei onde o grandão foi parar no meio desse caos, mas imagino que ele seja competente no que faz. O Theurge escolheu ficar para trás? Terei que buscar ele e o resto do grupo na marra então.*

Henry respira fundo e emite um uivo, onde expressa a preocupação com a segurança dos outros e pede que eles sigam em direção a saída segura.

______
OFF: teste para uivar obteve 8 sucessos.
______

"- Venham em direção da porta que foi utilizada por Pata Dourada. Aqui, tem mais proteção para os Garous feridos. Lembrem-se que nosso objetivo é chegar a seita.

*Espero que eles tenham escutado isso e sigam para lá. O ferimento da Galliard Fenrir precisa de cuidado urgente*
_______
Henry "Canção-dos-Antigos-Espíritos" Donnelly
Carisma: 3 / Aparência: 2 / Raça Pura: 3 / Fúria: 4
Idade aparente: 18 anos / Altura: 180cm
avatar
Henry Donnelly

Mensagens : 11
Pontos : 11
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

ESPÍRITO TRANQUILO (homenídeo) - NARRAÇÃO | SWIFT-CLAWS-OF-SIF | PATA-DOURADA | CANÇÃO-DOS-ANTIGOS-ESPÍRITOS | PAVOR-DE-JÖRMUNGANDR | UIVO-FLAMEJANTE

Mensagem por Espírito Tranquilo em Sab Abr 28, 2018 3:57 pm

O albino sentia que o Solaris estava a caminho. Esperava que ele chegasse a tempo de ajudar a todos, antes que muitos danos fossem causados. E tal preocupação o fazia se agitar. Não podia ficar somente ali parado esperando o espírito chegar, precisa checar como estavam os outros e fazer algo ali para ajudar por si. 
  Ouviu entao o uivo alto do Fianna que era designado como seu protetor. É aquilo o agitou mais a tomar atitude para ação.  Não podia perder tempo ali, fazer mais uma tentativa, talvez novamente falha, ememudar de forma, seria perda de tempo. Era hora de ir até o grupo e não se preocupar somente em sua segurança.
  Puxou um pouco mais o sobretudo e a toca escura que usava, ativou o dom de impuro Ser Ignorado e de forma furtiva seguiu para o saguão.
 Andando de forma cuidadosa e tranquila, praticamente sem som, se usando das sombras, mostrando nenhuma agressividade, adentrou o saguão onde a batalha ocorria.
 Foi passando de forma sem ser notado nem pelos inimigos e nem pelos aliados. Era como um espírio atravessando o local.
 Passou inclusive por Henry, seu protetor, sem ser notado.


  *Desculpe não o ter o ouvido, eu precisava tentar fazer algo... Não podia apenas ser um peso carregado...*

  Ficando mais próximo da porta para a saída que Henry indicará como local seguro a levar os feridos. Ali poderia curar os companheiros. Fazer sua função de augurio honradamente até a chegada e ajuda do solares.

_______________
OFF:
Dom ativado: ser ignorado  e Furtividade : 5 sucessos 
(Não é notado por inimigos e nem por aliados)

Falta 3 sucessos para chegar a saída.
avatar
Espírito Tranquilo

Mensagens : 167
Pontos : 167
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Erin Johannes em Sab Abr 28, 2018 10:52 pm

O irmão de tribo Fianna continuava sua dança frenética pelo hall do aeroporto, jogando cadáveres pra lá e pra cá. Olhou para o Fenrir que, no combate corpo a corpo, acabara de ser baleado, caindo em batalha. *Que lástima esses Fenrir!*, pensou.

*Preciso levar Siggy até o The... Espere aí, onde está o Theurge????* Erin olhou pelo salão para encontrar o albino no local onde ele estava inicialmente, mas não o encontrou. Preocupada, já pensando no pior, deu uma vista no salão e ele já havia cruzado o hall! *Como esse miserável fez isso???*

Olhou para onde ele estava, pegou impulso e, de um salto, cruzou novamente o salão até lá, deixou Siggy no chão ao lado dele. Virou-se, pegando impulso novamente e disse: "Faça algo por ela, por favor" - e em um novo salto, foi até onde o outro Fenrir se encontrava, pegou-o em seus braços, saltando em seguida novamente até o Theurge antes que fosse percebido pelos inimigos.

Deixou Pavor ao lado de Siggy para o Theurge realizar os cuidados necessários. Olhou uma última vez para ambos pensando em contar sobre a bravura daquele grupo em batalha quando chegasse ao Caern. *Mas e esse ancião? Quem será?*

_--------------
OFF
Gasto de 2 pontos de Fúria para ter ações extras
Uso do dom salto de salmão para deixar a Siggy, pegar Pavor e voltar até o Theurge: 2, 5 e 3 sucessos respectivamente x2.
avatar
Erin Johannes

Mensagens : 20
Pontos : 20
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 39
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Swift-Claws-Of-Sif | Pata-Dourada | Canção-dos-Antigos-Espíritos | Pavor-de-Jörmungandr | Uivo-Flamejante | Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em Dom Abr 29, 2018 12:11 am

E com mais uma onda de fogo feita com sua Gran-Klaive, Falcão-Vingador-de-Caronte acaba com os inimigos que ainda estavam de pé. O Presas de Prata olha na direção do Fianna Uivo-Flamejante e fala:

'- Estão todos vivos? Cuidem dos Feridos, me esperem aqui...'

Já o tinham visto, ele agora precisaria falar com aqueles desconhecidos. O Filho de Falcão, no entanto, não espera uma resposta e pula no poço do elevador onde seu irmão de tribo havia pulado. O Grupo nem tem tempo para pensar no que fazer pois, ao mesmo tempo que o Filho de Falcão se retira, uma explosão chama atenção dos Garous. Ela vinha da sala onde esperavam por suas malas. Um Solaris, conjurado mas não recebido por ninguém após sua conjuração, irritado, começava a queimar tudo e a destruir o aeroporto em sua fúria...
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

ESPÍRITO TRANQUILO (homenídeo) - NARRAÇÃO | SWIFT-CLAWS-OF-SIF | PATA-DOURADA | CANÇÃO-DOS-ANTIGOS-ESPÍRITOS | PAVOR-DE-JÖRMUNGANDR | UIVO-FLAMEJANTE

Mensagem por Espírito Tranquilo em Dom Abr 29, 2018 3:31 am

Apesar de todos os gritos, a situação parecia ali estável, não favorável, mas estável. Ele não tinha ideia que o lobisomem que estava no saguão era alguém tão poderoso. Viu dois companheiros caídos, mas vivos, e o cair dos últimos vampiros.
 
*Gaia, obrigado por estarem vivos...*
 
Logo a sua frente em instantes num salto surge Erin com os dois caídos pedindo que ele fizesse algo por eles.
Ele acenou com cabeça sem falar nada, ainda surpreso com tudo e sem a encarar.
O poderoso lobisomem que estava lá questiona se estavam todos bem e segue para a área externa. E o jovem albino apenas lhe da um aceno em concordância. Mas, nem tem tempo de agir e fazer algo ali. Logo ouve a explosão, vê a luz e sente a chegada do irado espírito solaris que tinha chamado. Sua responsabilidade. Sabia que devia ter o esperado, mas precisava checar seus companheiros. Lidaria agora com as conseqüências.
 
- P-preciso resolver aquilo primeiro, minha responsabilidade. Por Gaia, espere aqui com todos... Assim que puder... Cuidarei disso... P-peço desculpas e um foi prazer chegar aqui com vocês.
 
Fala a Erin de forma séria que não tinha mostrado antes.
Suspira e eleva a cabeça saindo resoluto em direção de volta a sala onde tudo começou. Eleva o máximo a voz que pode para ser ouvido enquanto se encaminhava para lá, falando na linguagem dos espíritos, mas tomava o cuidado para se manter ali um tom respeitoso na fala.
 
- Filho de Helios, Solaris, eu Espírito-Tranquilo o chamar, pedir perdão por não ser capaz de esperar e receber com respeito e pompa que merecer, precisar checar meus companheiros, como fazer Helios, pai zeloso, que checar todas as manhãs suas crias e dar o carinho em luz e calor, afastar escuridão e frio da noite... Espírito-Tranquilo ser pequeno e deixar medo e desespero o tomar, por isso sair, querer cuidar e preservar companheiros... Entender que ser desrespeito com nobre espírito que atender pedido de auxílio, mas pedir para nobre espírito entender desespero desse filho para com os seus feridos e caídos...
 
Quanto mais se aproximava da sala, da luz e fogo, mais era visível a brancura da pele e cabelo, os olhos pareciam brilhar em vermelho devido ao excesso de luz incidido nele, olhos que por excesso de luz começavam a ficar semi-cerrados, num esforço para enxergar.
 
- Assim como Helios brilhar e encher de luz, encher corações de esperança a cada novo dia, esse Filho do Unicórnio esperar que espírito superior entender que suas motivações não ser fúteis, buscar manter vida. Entender que este filho de Helios e Luna não ter intenção de desrespeito. Mas que aceitar pagar o preço do ato... Não se isentar de erro e dívida, apenas explicar motivos... Aceitar pagar por ira e desrespeito. Solaris esse filho em desespero pedir para poupar irmãos garous e humanos, e deixar que este que o chamar ser único a pagar preço. Suplicar para usar sua raiva contra os mortos-caminhantes nesse local que ceifar tantas vidas que apenas os espíritos superiores como Helios junto a Gaia ter direito de reger, mortos-caminhantes que gerar desespero nesse coração... Entender com sabedoria que elevados possuir, e atender esse pedido desesperado desse filho, e este lhe entregar tudo que puder em pagamento por ajuda e por causar ira em espírito.     


Em frente a porta do salão que pegava fogo ele se coloca de joelhos de forma resignada e de louvção. começava a sentir a pele sensível ao calo incomodar-se, e olhos mal conseguiam enxergar o interior pelos excesso de luz.
 
*Paga tua dívida... Não seja um peso a teus companheiros...*
 
Oferece gnose ao espírito em agradecimento a ter vindo e em forma de mostrar boa vontade e reconciliação.
 
- Oferecer gnose em forma de mostrar boa vontade em retratar com espírito. Ajoelhar aqui, reconhecer força e boa vontade de nobre Solaris. Aceitar de coração e espírito a penitência que precisar fazer para acalmar espírito e agradecer em estar aqui.
 
Espera ali resignado de joelhos o que vier do espírito.
 
-----------------
Off:
Oferecer 2 pontos de gnose temporária ao espírito: 1 em agradecimento a vinda, 1 em aplacar um pouco a ira.

Gasto 1 ponto de Força de Vontade para negociação e acalmar espírito.
avatar
Espírito Tranquilo

Mensagens : 167
Pontos : 167
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Solaris - Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em Dom Abr 29, 2018 12:23 pm

O espírito pega a Gnose furioso. Olha para o Filho de Gaia com muito ódio em seu olhar enquanto o saguão já era quase todo consumido pelas chamas. Aquele terminal não ia se sustentar por muito tempo. Os danos ao Aeroporto eram grandes e, provavelmente, após aquela noite só haveria um terminal em funcionamento no Galeão:

'- Theurge desonrado abandonar espíritos que invocar. Solaris levar a Hélios sua desonra e ira de Hélios recair sobre ti e tua matilha.'

O Solaris simplesmente desaparece, mas as chamas seguiam se espalhando pelo local. O mais seguro para todos era sair dali o quanto antes.
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em Dom Abr 29, 2018 12:34 pm

*Como todo bom anfitrião, o ancião encerra a dança.Todos no salao haviam participado e somente os melhores resitiram ao ritmo frenetico da musica da morte. A dança da guerra era fatal para os fracos, impetuosa para os afoitos e implacavel com os burros. Foi assim que Pé de briga ensinou para Rob.*

*Rob com a cabeça faz sinal de positivo para o ancião. Que o vê descendo. *

-BUUUM!

*Rob se assusta com uma explosão vindo do desembarque. Agora é so eu e Erin pra defender os outros. Os covardes estao atirando com bazuka? Isso É serio? *

*Antes de tomar qualquer atitude Uivo Flamejante vê Espirito Tranquilo na porta do desembarque pegando fogo e o garoto ajoelhado de braços abertos se entregando para morte. *

*Que merda é o que ele ta pensando em fazer? Como se não bastasse os Crias querendo me fuder, agora esse é esse impuro com crise de de depressão. Vou ter que ensinar a ele a beber e a fuder, para parar com essas porra de tristeza ai. Rob ainda com o corpo na boca corre em direção ao Garou e se posiciona na sua frente usando o vampiro como escudo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum