[Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Novo Tópico   Responder ao tópico

Página 4 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4

Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em 29.04.18 9:37

*Ao chegar e não vê nada, Rob solta o corpo segura o impuro como uma mae segura seus filhotes e parte dali antes que toda a estrutura desmorone. *

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

ESPÍRITO TRANQUILO (homenídeo) - NARRAÇÃO | SWIFT-CLAWS-OF-SIF | PATA-DOURADA | CANÇÃO-DOS-ANTIGOS-ESPÍRITOS | PAVOR-DE-JÖRMUNGANDR | UIVO-FLAMEJANTE

Mensagem por Espírito Tranquilo em 29.04.18 10:15

O albino sentia a fúria do Solaris mesmo sem conseguir enxergar direito por causa da luz. Esperava a morte como pagamento pela desonra, o que considerava justo, mas esperava apenas que os outros fossem poupados.
  O espirito lhe sentencia, e junto sua matilha, que ele ainda nem fazia parte. Ele se sente desolado, não por receber ira de Helios, ele merecia e sabia disso. Mas por aquilo afetar outros.
 O fogo consome o local e seu corpo se sente altamente incomodado com o calor, denunciando a necessidade de agir. E antes que ele consiga tomar alguma atitude e se levantar, sente algo o puxar pelas costas, um hálito quente em sua nuca e ser arrastado. Nota ali ser o Fianna em hispo. Deixa-se ser carregado, enquanto sua mente seguia em seus erros.
 
* Desonrado, falho, um peso, gerei destruição de um terreno de outros, ofendido um totem... Garous sofrerão por minha causa... Gaia, mãe de todos, protegei teus filhos de mim. Permita que esse fruto do pecado possa se desenvolver e não ser uma árvore torta...*

 Enquanto era ali carregado, sua mente é capaz de lembrar que aparentemente nenhum dos garous ali entendia os espiritos. Teria que explicar a todos a sua vergonha, que lhe serviria como um preparo para reportar essas mesmas vergonhas a seita assim que chegassem lá. Ele sabia que merecia ser julgado, punido e precisaria fazer algum tipo de constrição a Helios, para ao menos a sua matilha, aqueles a sua volta fossem poupados. 
 Enquanto era carregado comenta baixo e sem ânimo.


 "- Creio que lhe deva explicações... A todos vocês... Sobre esse ocorrido..."
avatar
Espírito Tranquilo

Mensagens : 167
Pontos : 167
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Erin Johannes em 29.04.18 13:42

Erin mal tinha deixado os Fenrir aos pés do Theurge, quando uma explosão irrompe na área de bagagens. Precisavam sair dali o mais rápido possível. O Theurge precisava ser ágil em seu trabalho de cura para que pudessem ir embora. De repente o albino vira-se para ela e, com o rosto solene, diz:

- P-preciso resolver aquilo primeiro, minha responsabilidade. Por Gaia, espere aqui com todos... Assim que puder... Cuidarei disso... P-peço desculpas e um foi prazer chegar aqui com vocês.

E sai andando resolutamente, falando em uma linguagem que Erin não sabia distinguir, parando no local de onde a explosão vinha. *Que Gaia proteja esse companheiro qualquer que seja sua contrição*, pensou.

Virou-se então para os dois Fenrir desacordados, suspirou pensativa e então colocou ambos nos ombros com cuidado, dando mais alguns passos em direção à saída, um pouco mais longe das chamas, porém parando antes que sua forma Crinos fosse revelada para fora do terminal. Colocou ambos no chão novamente e decidiu esperar os outros ainda um pouco mais.

avatar
Erin Johannes

Mensagens : 20
Pontos : 20
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 39
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Swift-Claws-Of-Sif | Pata-Dourada | Canção-dos-Antigos-Espíritos | Pavor-de-Jörmungandr | Uivo-Flamejante | Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em 29.04.18 20:00

Henry, Erin, Siggy e Hagen ainda estavam no saguão principal do aeroporto. As chamas se espalhavam rapidamente e comprometiam estruturas. Do lado de fora, Rob e Espírito-Tranquilo aguardavam. Um furgão preto, sem placa, se aproxima e para a alguns metros do prédio. Um homem acena para que o grupo se aproximasse.


Aparência 4, Raça Pura 5, Fúria 5
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em 29.04.18 21:26

Rob ao ver o furgão e sentir a raça pura do condutor leva Espirito Tranquilo até ele e o larga. Antes de se transformar olha a sua volta para ver se havia ainda algum humano ou câmera que pudesse comprometer o véu.

*É, não têm nenhum bêbado o suficiente ou louco para ficar perto de explosões, uma coisa a menos pra me preocupar. Agora tenho que verificar se o véu está intacto. ROb larga Espirito Tranquilo na frente do furgão*

-RRRrrrrrrrRRRRRRrrrrrrr (O véu está comprometido, tenho que deixa-lo intacto antes de ir embora) RRRRrrrrrrRRRRRRrRRRRRRRrrrrr (Seria mais rápido se todos ajudassem a fazê-lo. Existem Muitos corpos destroçados por garra e mordidas, e os próprios corpos dos mortos vivos são um perigo para o véu também) RRRrrrrrrrrrrRRRRRRRrrrrrrRRRRR (deve ter uma sala onde se guarda todos os registros das câmeras, devemos pegar todas essas fitas, você pode nos ajudar? Assim enquanto pegava as fitas recolhíamos os corpos)

*Uivo Flamejante aguarda o motorista e Espirito Tranquilo se pronunciar*

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Swift-Claws-Of-Sif | Pata-Dourada | Canção-dos-Antigos-Espíritos | Pavor-de-Jörmungandr | Uivo-Flamejante | Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em 29.04.18 23:00

O Presas de Prata que estava no carro fala com Rob:


'- Esqueça as câmeras que nós cuidamos delas antes de entrar... traga os outros, temos que sair daqui rápido! Os militares já estão a caminho!'
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Erin Johannes em 30.04.18 0:20

O calor das chamas começava a ficar abrasador e ninguém mais do grupo apareceu para ajudar com os Fenrir. A fumaça também já começara a incomodar seus olhos e olfato. Tinha que agir... E rápido.

Seu corpo foi assumindo aos poucos a forma hominidea novamente e resolveu tentar puxar os dois Fenrir até a saída. Eles eram muito grandes para serem carregados por Erin.

"- Gaia ajude... Que esse grupo... Descoordenado... Não fique na mesma... Matilha que eu...", disse enquanto arfava para retirar os dois Fenrir do saguão.

Olhou para o lado de fora e viu Rob e o albino próximos a um furgão.

-"EI! ALGUÉM DE DÁ UMA FORÇA AQUI!!", gritou. Contou o grupo e percebeu: *onde estava Henry?*, pensou.
avatar
Erin Johannes

Mensagens : 20
Pontos : 20
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 39
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

ESPÍRITO TRANQUILO (homenídeo) - NARRAÇÃO | SWIFT-CLAWS-OF-SIF | PATA-DOURADA | CANÇÃO-DOS-ANTIGOS-ESPÍRITOS | PAVOR-DE-JÖRMUNGANDR | UIVO-FLAMEJANTE

Mensagem por Espírito Tranquilo em 30.04.18 6:20

Era um pouco humilhante ser carregado ali como um filhote. Mas pelo que tinha feito ali, ele se sentia o filhote. Suspirou quando Rob o deixou no chão em frente a um furgão com forte raça pura. Olha timidamente para o homem no furgão dando um pequeno sorriso enquanto ouve o Fianna questionar sobre véu e fitas de vídeo.
 Já ouvindo em sequencia a resposta do motorista.

 - É... s-sobre provas e quanto ao véu, provavelmente o incêndio - fala aquilo com um pouco de vergonha - vai acabar queimando qualquer prova que pudesse existir... P-precisamos ajudar os outros a virem ao furgão, tem um cara bem grande que precisa a ser carregado. Dentro do carro em segurança eu curo os feridos. E o senhor também, caso precise....

 Abaixa a cabeça de forma respeitosa e tímida ao motorista e  logo ouve o grito de Erin por ajuda. 
 Corre para onde estavam os outros para ajudar a carregar ao furgão os companheiros. Segundo o motorista tinham pouco tempo.

- Vamos Uivo-Flamejante. 
avatar
Espírito Tranquilo

Mensagens : 167
Pontos : 167
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em 30.04.18 6:46

*Era óbvio que eles tinham cuidado das câmeras, estávamos falando provavelmente de um ancião e isso deveria ser sua prioridade, ora ele estava ali em crinos sem se preocupar com o véu. Isso por que eles já resolveram essa situação. Agora Erin precisa de ajuda com os crias.*

Rob ainda em Hispo, vai o mais rápido que pode até a Erin e antes de pegar o nórdico fala:

-RRRrRRRRrrrrrrŕrrrrrrrrrrrr (Vocês conseguem levar a Siggy?)

Rob segura Pavor, como fez com Albino e antes de correr dali vê se Pata Dourada e Espirito Tranquilo dava conta de salvar Siggy

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Erin Johannes em 30.04.18 10:27

Erin pega Siggy pelo ombro e a leva até o furgão.

- "Espírito Tranquilo, veja se você consegue avistar Henry, ele ainda não saiu", disse para o albino enquanto ia em direção ao veículo.

avatar
Erin Johannes

Mensagens : 20
Pontos : 20
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018
Idade : 39
Localização : Brasil

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Henry Donnelly em 30.04.18 13:23

*Esse cara consegue ser mais louco que Rowan Chamas-da-Loucura*- vendo o Theurge correr em direção ao caos.

De certa forma, ele entendia o que passava com Espírito-Tranquilo. Já vira alguns impuros mostrarem essa mesma necessidade de se colocar a prova sempre, para conquistar o seu lugar ao sol.

Vendo Pata Dourada segurando a Galliard Fenris, uma sensação de alívio passa pela cabeça de Henry. Por mais que discordasse da forma com que agiram, ainda tinha um certo apreço por seus companheiros de infortúnio.

A temperatura começa a aumentar, fazendo com que o suor comece a escorrer sobre o rosto de Henry. De repente, uma explosão ocorre, na direção onde Uivo-Flamejante e o "Little John" Fenris tinham ido.

*Por Gaia, que não seja essas malditas criaturas da Wyrm explodindo algo.* - então vê algo que o faz rir sarcasticamente -* Começaram a debandar agora, né?*

Correndo pelo saguão, ele apanha uma arma deixada pelos vampiros, corre para o lado de fora, escondendo a arma sob o casaco.
_____
OFF: 2 pontos de Fúria foram gastos, para ações extras.
_____

Chegando do lado de fora, Henry sente uma forte emanação de Raça Pura, vindo de um furgão preto.

Diante de todo esse cenário de destruição, pensamentos voam na mente de Henry enquanto ele sai do aeroporto.
*Como, por Gaia, essa cidade pode ser tão maldita? Chegamos em seu solo faz algumas horas e tudo se tornou uma poça de desgraças. Um ataque de vampiros do Sabá. Esses malditos estavam com munição e armas de prata, além de estarem em grande quantidade.*

Vendo Uivo-Flamejante do lado de fora do furgão, ele se aproxima e diz, com um sorriso zombeteiro:
"- O clima noturno dessa cidade é bem quente! Imagine como deve ser durante o dia. O sol deve torrar tudo e a todos. Aliás, trouxe um presentinho que os vampiros deixaram." - indicando a arma sob o casaco - "O que estamos esperando? Vamos logo embora daqui."

_________
Henry "Canção-dos-Antigos-Espíritos" Donnelly
Carisma: 3 / Aparência: 2 / Raça Pura: 3 / Fúria: 4 (temporariamente 2)
Idade aparente: 18 anos / Altura: 180cm

avatar
Henry Donnelly

Mensagens : 11
Pontos : 11
Reputação : 0
Data de inscrição : 19/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

ESPÍRITO TRANQUILO (HOMENÍDEO) - NARRAÇÃO | SWIFT-CLAWS-OF-SIF | PATA-DOURADA | CANÇÃO-DOS-ANTIGOS-ESPÍRITOS | PAVOR-DE-JÖRMUNGANDR | UIVO-FLAMEJANTE

Mensagem por Espírito Tranquilo em 30.04.18 14:00

Assim que chegam junto de Erin e os caídos, o hispo barba ruiva pega Hagen e o carrega, e Erin se encarrega de levar Sigg, pedindo que ele buscasse por Henry que não tinha sido visto ali ainda. Ele acena afirmativo enquanto os dois correm para o furgão e olha em volta buscando o outro, logo notando o galliard perdido seguindo já sozinho ao Furgão. 
 Por um instante chega a se questionar porque havia retornado com Rob ali. 
 Sem perder tempo correu também para o furgão, chegando a tempo de ouvir a piada de Henry sobre o calor e sol torrar tudo, dando ali uma encolhida de ombros e abaixando a cabeça.
 suspira ali e tenta se focar no que precisa fazer.
 - P-para dentro... Me deixa ficar perto de quem está ferido para poder cuidar deles. 
avatar
Espírito Tranquilo

Mensagens : 167
Pontos : 167
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/04/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Convidado em 30.04.18 14:22

Rob acompanha Erin até o Furgão. Após Erin colocar Siggy no Furgão, Uivo coloca Heagan no carro e começa a transformação. Ao final de sua transformação ele está como veio ao mundo, sujo de sangue e com sua hombridade a mostra. Antes de entrar no furgão esfrega um pouco de sangue dos seus inimigos em sua tatoo feroz de javali mostrando respeito ao espirito e a sua gratidão de mais uma vez lutarem juntos e sairem dali vitoriosos. Logo em seguida procura Erin e Pavor para verem se estavam pelados também. Rob não sentia nenhum pingo de vergonha ou pudor em mostrar suas particularidades e o fazia com orgulho, ora Gaia nos trouxe ao mundo sem roupas e então tenho que ostentar o que minha mãe me deu. Olha e vê Henry com uma arma e acha sua ação estúpida. Da onde esse Fianna vem? Que tipo de honra e glorias foram contados para ele?  

-Como prometido ninguém morreu hoje. Agora só falta o ancião. Ô do furgão só saímos daqui depois que o ancião entrar no furgão também. Só estamos vivos graças a ele e seu pupilo, acho eu.

Rob repara em todos são e seguros sentados e senta do lado da Erin.

-Você dança bem, seus passos é de uma verdadeira Fianna. De que caern da Europa você vem? Eu vim do Caern da Escócia, ao pé das montanhas descendo do rei herói Durin Martell e o segundo na hierarquia de sucessão de Tara prateada. Vim aqui como reforço do nosso rei Ard Righ e prestar homenagens a esta nação e seita. E notificar com tristeza o ataque em nosso principal Caern fortaleza a Tara Prateada.     - depois de uma pausa olha para Henry e começa - Henry filho de não sei quem, por Gaia o que fez durante a batalha? Ficou igual um urubu sobrevoado os mortos atrás dos espólios que não te pertence? E realmente espero que sua intenção não seja usar contra Garous e sim de forma sábia. Espero filho de não sei quem que medite sobre suas atitudes aqui e nem sempre podemos seguir fielmente o que nos é ordenado, não somos da wever e seus padrões robotizados que não nascem com o poder de discernimento. Mas não nasci na lua do julgamento por tanto não posso te julgar e até te entendo. Mas heróis não nascem heróis, eles se tornam com suas atitudes. Erros todos nós erramos e se quiser beber comigo e aprender como fazemos nas Montanhas de Ferro, posso te ensinar alguns truques. - após uma pausa - Espirito tranquilo cure os Crias. E dos Galliard quais de vocês sabem cantar? Preciso ensaiar algo com vocês para nos apresentar e honrar o caern. Alguém tem alguma coisa pra beber ai? Algo forte. Me parece que a noite vai ser longa.

Rob fala como se a situação de ficar pelado fosse natural para ele.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Guardião-Ancestral - Swift-Claws-Of-Sif | Pata-Dourada | Canção-dos-Antigos-Espíritos | Pavor-de-Jörmungandr | Uivo-Flamejante | Espírito-Tranquilo

Mensagem por NarraDiva em 30.04.18 18:49

Alef liga o carro, a primeira coisa que diz é sobre Isaack, sobre quem haviam comentado há pouco:

'- Iremos encontrá-lo na saída e pararemos para beber algo, mas vou explicar o básico para vocês antes: eu sou Alef Campbell, Guardião-Ancestral, Galliard Forsten dos Presas de Prata nascido sob as duas patas. Punido em ostracismo pela Seita para onde estão indo. Falar que estiveram comigo ou meu nome renderá punições pesadas a vocês. Se quiserem saber mais sobre mim, ao chegarem no Caern perguntem a Justiça-do-Predador, Philodox da Olhos da Tempestade, homem de minha total confiança e alguém em quem vocês podem confiar ao chegarem na Seita da Coroa de Fogo.'

O carro, com todos dentro a essa altura, seguia para fora do aeroporto e Alef seguia falando:

'- O ancião com o qual vão lidar não deve ter seu nome perguntado. Para segurança dele e de vocês. Ninguém aqui vai facilitar a vida de Estrela-da-Manhã e seus aliados.'

O tom de Alef era sério. Estrela-da-Manhã era a antiga líder do Caern do Rio de Janeiro, mundialmente famosa. O sobrenome Campbell, entre os Filhos de Falcão, também era muito cantado pela Europa e América do Norte.


Like a Star @ heaven Cena continua em Ruas da Zona Norte.
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

FIM DE NOITE

Mensagem por NarraDiva em 15.08.18 21:54

avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3628
Pontos : 3719
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ilha do Governador] Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum