Clareira Central

Novo Tópico   Responder ao tópico

Página 13 de 39 Anterior  1 ... 8 ... 12, 13, 14 ... 26 ... 39  Seguinte

Ir em baixo

Inácio - Ira-Desoladora-de-Fenris

Mensagem por NarraDiva em 31.07.18 5:57

O Filhote olhava para Ira-Desoladora-de-Fenris com muito respeito e fala:

'- Ainda não tenho nome entre os Garous, Senhor Ira-Desoladora-de-Fenris. Me chamam de 02 no treinamento e de Inácio entre os humanos.'
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Antonio Xavier em 31.07.18 9:47

Antonio ouve as ponderações de Padmatavi, reflete um pouco sobre elas e responde:

"- Você está certa. Vamos ter o máximo de atenção para podermos desvendar o pedaço de wyrm que anda entre nós."

Ele sorri para a juíza e espera Flor-de-lótus para poderem seguir caminho.
avatar
Antonio Xavier

Mensagens : 243
Pontos : 245
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/03/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Réquiem - Asas de Cailleach - Equilíbrio da Força - Fúria de Rá

Mensagem por Angelique T. Albrecht em 31.07.18 10:36

Forma Atual: Crinos

A Presa de Prata via com bons olhos a proatividade da Fianna. Infelizmente ela não tinha informações importantes a respeito dos vampiros. Já com a resposta de Fúria de Rá, Réquiem observa o Peregrino com curiosidade, começa a caminhar entre os três garous ali presentes, e quando passa por Equilíbrio da Força ela toca o ombro do Ahroun, faz o mesmo quando passa por Asas de Cailleach e quando chega em Fúria de Rá, ela caminha cuidadosamente em volta do Peregrino, analisando-o com seu olhar de cima a baixo. Não era intimidadora e muito menos lasciva, seus olhos só continham análise pura e simples. Era fácil perceber que ele estava gostando muito da conversa.

Enquanto caminhava em volta do Ahroun Filho da Coruja, Réquiem vai falando:

-Passemos então para as informações que temos sobre os vampiros na cidade. Na verdade o que foi contado durante a assembleia. Sabemos que essas criaturas vis se dividem em dois grupos ou facções. Camarilla e Sabá. A primeira tenta se esconder do mundo, mantendo-se nas sombras. A segunda, o Sabá, já não ligam para isso. Querem aparecer, atacam, destroem, matam sem se preocupar com nada. Querem dominar o mundo por quaisquer meios possíveis. Em cada facção existem clãs, que são treze. Dois desses clãs são conhecidos, Seguidores de Set e Lasombra. Esses Seguidores de Set se assemelham a cobras e possuem escamas grossas. Os Lasombra conseguem controlar as energias do Abismo. Eles podem ficar invisíveis e controlar as mentes, portanto, tomem muito cuidado. Nem sempre nosso olfato funcionará para encontrá-los.

Ela volta para a posição inicial e continua, olhando para cada um dos três garous. Equilíbrio da Força já sabia daquelas informações pois estava presente na Assembleia:

-As duas facções estão em guerra. Sabemos que o líder do Sabá é um tal de Vendetta e ele controla totalmente o Complexo do Alemão, Rocinha e Parada de Lucas. Essas informações nos foram dadas por dois Fiannas durante a Assembleia.

Tinha dado algumas informações aos dois novatos e achava que aquilo era tudo que tinha, pelo menos por enquanto.

-Fúria de Rá...tem alguma informação interessante sobre essas criaturas?

Já sabia que Asas de Cailleach não sabia muito.
avatar
Angelique T. Albrecht

Mensagens : 404
Pontos : 406
Reputação : 2
Data de inscrição : 25/06/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ira-Desoladora-de-Fenris - 02

Mensagem por Ira-Desoladora-de-Fenris em 31.07.18 13:17

'- Jovem Inácio ...' 

Então, sem mais delongas o Fénris foi ao ponto.

'- Os filhotes ficaram encarregados de levar o corpo de Oraculo-Digital para o Cemitério. Diga-me: você estava junto ao grupo responsável por este trabalho?'
avatar
Ira-Desoladora-de-Fenris

Mensagens : 92
Pontos : 92
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/05/2018
Localização : Skarsvåg, Noruega

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Elaijah Maickoson em 31.07.18 13:20

Réquiem / Asas-de-Cailleach / Fúria-de-Rá
Crinos


Equilíbrio-da-Força ouvia tudo que era falado com bastante atenção, principalmente quando suas funções são divididas com o outro Ahroun.
-Realmente Réquiem, estou mais focado no nosso ponto de encontro, pois precisamos ter onde nos organizar e começar a limpar o nosso território de dentro para fora. E pelo que pude observar, meu irmão de Lua de sairá bem treinando a matilha.

Equilíbrio-da-Força olha para Asas-de-Cailleach pensando no que ela poderia lhe ajudar, visto que Sangue-Sobre-a-Neve não pertencia mas a matilha e o quão Anda-com-Espíritos estaria ocupado com as outras tarefas específicas.
Asas-de-Cailleach, se não estiver muito ocupada, eu gostaria de aproveitar o tempo que você irá me ensinar o ritual de constrição para usar também seus atributos de Lua Crescente para a criação do nosso ponto de encontro, caso não esteja ocupada mais tarde.
avatar
Elaijah Maickoson

Mensagens : 131
Pontos : 132
Reputação : 1
Data de inscrição : 21/03/2018
Idade : 30

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pantaneiro (Hominideo) - Yara

Mensagem por Yorick MacAlister em 31.07.18 13:32

Pantaneiro leva um tapão no ombro de Yara que o desestabiliza e acha aquela reação de sua prima engraçada.

"Tá parecendo Lorena com raiva da Kátia por causa dos meus cafunés..."

Kátia era outra capivara que um dia apareceu e Pantaneiro tratou com muito amor, mas infelizmente foi por pouco tempo porque Lorena sentiu muito ciúmes e brigas aconteciam a todo instante. Por esse motivo Pantaneiro teve que arrumar uma nova moradia para Kátia na fazenda que trabalhava. Aquilo tudo era igualzinho aquela situação.

"Se não é ciúmes, é amor... amor de família, mas num deixa de ser amor..."

Respondeu então para sua prima rindo de forma amistosa e descontraída.

- Se acalme, prima. Tratei ela com carinho e educação. Apesar dela ser muito bonita e tentadora, nada vai acontecer entre eu e ela. Somos irmãos. O primeiro verso da litânia tá garantido. Minha conversa com ela foi justamente pra explicar a situação delicada que nóis Fianna tamo enfrentando e que manter uma postura mais civilizada na frente de todos era importante.

E então os olhos de Pantaneiro brilham ao ouvir a sugestão de sua prima que era necessário se casar. A ideia era boa e Pantaneiro não pensava duas vezes e tinha apenas algumas exigências, ser uma parente rica, de família tradicional e extremamente linda. Respondeu entusiasmado.

- Aoooo, trêm! Aí eu dô valor hein, prima! Arruma sim, pode arrumar que eu caso na hora, mais arruma uma parente que seja extremamente linda porque eu gosto é de muié bunita! Se ela for rica e de família tradicional, melhor ainda! Eu tava mesmo quereno casar e ter filhos, sabe... Quero fazer uns 10 pantaneirinho júnior só pra ver eles correndo e gritando atrás de mim 'papai, papai, papai'...


Olhou pra Yara super satisfeito com a ideia e completou.

- Cê já tem alguma pretendente em vista?
avatar
Yorick MacAlister

Mensagens : 706
Pontos : 709
Reputação : 3
Data de inscrição : 28/06/2017
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Flor-de-Lótus (G) | Sol-da-Esperança (H) | Equilíbrio-da-Vida (H) - Sereno-Trovão

Mensagem por NarraDiva em 31.07.18 19:01

Flor-de-Lótus tinha dado o aviso e acreditava que Antonio tinha tomado ciência da gravidade da situação. A Portadora da Luz Interior, então, volta para a clareira central com o seu irmão de tribo e caminha até Equilíbrio-da-Vida, que conversava tomando chá com Sol-da-Esperança, esta recém-chegada do desafio de Forsten de Elaijah.

Assim que a dupla chega, Kapheus os cumprimenta:

'- Flor-de-Lótus, Sereno-Trovão... aceitam um chá?!'

Sol-da-Esperança aproveita para se apresentar aos dois, os cumprimentando com um gesto com a cabeça e falando:

'- Jade D'Accor, Sol-da-Esperança. Hominídea Forsten Ahroun dos Devoradores de Demônios, assim como nosso líder.'

Diz e sorri ao alfa da tribo que indaga aos dois recém-chegados:

'- A que devo tamanha honra?'



Aparência 2, Fúria 4



Aparência 3, Raça Pura 2, Fúria 5
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fúria-de-Rá (H) - Asas-de-Cailleach | Réquiem | Equilíbrio-da-Força

Mensagem por NarraDiva em 31.07.18 19:11

O Peregrino Silencioso apenas observava Réquiem andar ao seu redor. Achava aquilo bem estranho mas era uma Presas de Prata e sanidade não era bem o que ele esperava da líder da matilha.

*Mais malucos ainda devem ser os que deixam uma Presas de Prata liderar uma matilha... e esse comportamento? Era só o que me faltava, a louca quer meu corpo nú...*

A Impura relata o que sabia sobre vampiros. Ele tinha uma noção um pouco mais apurada, mas nada que a contradissesse ou que fosse necessário dizer ali. 

'- O que eu sei é que pra mim todos os vampiros devem morrer. Eu conheço praticamente tanto quanto você falou, não costumo dar chances a eles para falarem sobre si antes de arrancar suas cabeças. Sei que alguns tem poderes mentais poderosos. É sempre bom pensar em defesas mentais para caçar essa escória.'
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sussurros-de-Bran - Pantaneiro

Mensagem por NarraDiva em 31.07.18 19:16

Yara apenas olha de cara feia para Pantaneiro. Não era difícil para ela imaginar o que ele estava pensando.

*Fuga da realidade. Ele deve ter sangue de Presas de Prata. Deve ser a maldição do sangue deles correndo nas veias de Yorick.*

Pensa por um instante em novamente adverti-lo, mas desiste. Ia focar em seguir adiante pois não valia a pena insistir naquele tema daquele jeito. Focava no que era mais importante.

'- Se olhe no espelho Pantaneiro, mulher nenhuma que tenha autoestima vai aceitar casar contigo. Seu casamento será um bom negócio para nossa tribo e fique feliz por ter uma boa esposa que lhe dará filhos. Eu irei assumir a liderança na próxima reunião e irei selar uma aliança com alguma tribo casando você com alguma parente de sangue nobre para que gere descendentes com futuro.'

Nesse instante, a juíza para e pensa na imagem de dez Pantaneirinhos. Dez pirralhos caolhos e bracetas correndo pelo Caern falando impropérios e destruindo as coisas de forma acidental enquanto enlouqueciam toda a seita.

*Gaia, nos proteja.*
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Inácio (Filhote) - Ira-Desoladora-de-Fenris

Mensagem por NarraDiva em 31.07.18 19:17

O Filhote falava enquanto seguia ajeitando as coisas:

'- Não, senhor Fenris, esses eram o trio do mal. Eles foram embora com o Uktena expulso na assembleia. O que foi melhor pra todo mundo, eles eram bem estranhos.'
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Gwen O'Dyna em 31.07.18 20:53

A voz enigmática que veio e se foi de sua mente fez Aurora Serena se lembrar de uma frase: "Legião é o meu nome, porque somos muitos". Era um pouco entristecedor perceber que mesmo os Escolhidos de Gaia viviam em um mundo assombrado pelos demônios, mas a Galliard sentia-se em um estado elevado de espírito e dificilmente se abateria por meia dúzia de obscenidades sussurradas telepaticamente. Havia um ou muitos Garou torpes o suficiente naquela seita para perderem seu tempo investigando seus pensamentos? Que pena, realmente.

Aqueles que se conhecem em grande intimidade não se ofendem, e a ruivinha sabia quem era. Uma criatura pérfida de alma menor poderia ver com maus olhos sua felicidade genuína, sua doçura primaveril e sua amorosidade quente e reconfortante. Mas Gaia dava a cada um de seus filhos e filhas os dons de Sua melhor face, de acordo com Seus planos. E Aurora Serena sorriu de si para si mesma, porque os prados luxuriantes da Mãe se agitavam em seus olhos verdes que reluziam à luz do Novo Mundo.

Queria falar com Pórunn e perguntar sobre o paradeiro do Druida da Weaver, que parecia ter sumido in thin air. Mas o Fenris parecia envolvido em uma conversa com um rapazote e a Galliard apenas acenou para ele, em um pedido para que viesse falar com ela assim que acabasse seus assuntos. Viu as mesas postas e, apesar de não ter nenhuma fome, bebida não dispensava - mesmo se tratando daquela água suja que a América do Sul considerava hidromel. Pegou uma garrafa - porque copos eram para amadores - e caminhou indolente e distraída, com aqueles passinhos de bailarina, até a árvore onde Hagen tinha se jogado.

Passadas as primeiras altercações, as palavras de Eça de Queiroz enchiam a mente da ruiva agora, descrevendo com exatidão assustadora seu estado de espírito: ... sentia um acréscimo de estima por si mesma, e parecia-lhe que entrava enfim numa existência superiormente interessante, onde cada hora tinha o seu encanto diferente, cada passo conduzia a um êxtase, e a alma se cobria de um luxo radioso de sensações. Pegou-se tentando lembrar quais eram as cores do tartan dos MacAllister e riu de si mesma, abrindo a garrafa ao mesmo tempo que se sentava ao lado de Hagen.

Mantendo uma distância cuidadosa e deliberadamente respeitosa, conforme havia prometido a Pantaneiro.

Começou então a cantarolar baixinho, com aquela voz de fada:

Como fosse um par que nessa valsa triste 
Se desenvolvesse ao som dos bandolins 
E como não, e por que não dizer
Que o mundo respirava mais 
Se ela apertava assim seu colo
E como se não fosse um tempo
Em que já fosse impróprio 
Se dançar assim
Ela teimou e enfrentou o mundo 
Se rodopiando ao som dos bandolins



Deu mais um longo gole direto da garrafa de hidromel - agradeceu a Gaia ter trazido mais duas garrafas de scotch das Terras Altas na mochila! - e só então olhou na direção de Hagen:

- Pavor-de-Jörmungandr, teve algum sucesso na busca pelo Druida?

Vermelho e verde, com quatro linhas em azul. Ela bebeu um gole do hidromel, torcendo o narizinho bonito, e depois voltou a sorrir, imaginando a faixa xadrez cruzada sobre seu ombro esquerdo. O tartan de guerra de um Guerreiro de Gaia. Que pensassem o que quisessem de seus pensamentos. Havia, no calor e na luz, uma certa tranqüilidade outonal, e a ruiva suspirou, fechando mais o seu próprio tartan ao redor do corpo curvilíneo.


----------------------------------------------------

OFF: Música de referência --- Bandolins - Oswaldo Montenegro
avatar
Gwen O'Dyna

Mensagens : 48
Pontos : 48
Reputação : 0
Data de inscrição : 12/07/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Glabro | Aurora-Serena

Mensagem por Hagen Bernhardt em 31.07.18 22:05

Hagen estava concentrado em seus pensamentos, divagando entre Lotte e Tarja e voltando para suas questões pessoais, bem como suas irmãs, mãe, necessidade de aprendizado do idioma e algumas questões da matilha. Devagar se aproxima a Galliard e Hagen vê a mesma sentando, esticando o braço, Hagen toca a garrafa de sua irmã de matilha, saudando-a com um brinde.

' - Skål!'

Hagen se ajeita para conversar com a sua irmã de matilha e já adverte a galliard.

' - Sem me deixar falando sozinho Skald, se não, não trocaremos mais palavras...'

Hagen falava de forma firme e séria, estava pensativo e assim começa a deixar suas impressões.

' - Estou no aguardo do Theurge, o Bruno. Ele é um andarilho e meu plano é falar para ele  invocar o Olho-Digital. É o ponto para se começar e Pantaneiro disse que era o totem do finado Tyler. Não creio que Pórunn terá sucesso em sua busca com os filhotes do caern. Uma profecia séria foi mostrada e falava do morto que vive, um corpo sumiu, minha lógica racional me diz que é esse filho da weaver, acho melhor irmos ao encontro do totem de Tyler, esse espírito deve estar incomodado com o sumiço da alma de seu protegido. '


O tom de voz de Hagen era imperativo e autoritário, sua raça-pura se exalava e sua tz mostra uma ascêndencia de um digno Jarl, devido a sua linhagem e sua mãe mesma ser uma forte líder do caern do Martelo de Gelo, na Noruega. Hagen almejava ser líder algum dia e tinha uns rompantes de comando em achar o que deveria ser feito, por isso seu tom sempre era um pouco autoritário.


' - E você, conversou com o alfa? chegaram a alguma pista, algo de bom para me relatar?'


Hagen se ajeita na árvore, troca um pouco de posição e mantém uma distância da galliard, retira seu all star de couro se acomodando e bebendo um gole de forma calma e pensativa.


Última edição por Hagen Bernhardt em 31.07.18 22:40, editado 1 vez(es)
avatar
Hagen Bernhardt

Mensagens : 319
Pontos : 318
Reputação : -1
Data de inscrição : 23/04/2018
Idade : 33
Localização : Noruega, Høvringen

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Pantaneiro ( hominideo ) - Yara

Mensagem por Yorick MacAlister em 31.07.18 22:20

Pantaneiro ri da cara feia de Yara. Escuta o que lhe é dito e havia surpresa naquilo. Yara se tornaria líder dos Fiannas e aquilo era bom. Era bom ter uma parente no mais alto elo da tribo e Yara era próxima. Respondeu então de bom humor.

- Cê que pensa que nenhuma mulher com auto-estima vai querê casar comigo. De onde eu vim, muitas saiam no tapa por causa de mim. 


Ri para Yara deixando claro que aquilo era uma piada e então completou.

- Brincadeiras a parte, eu sei que o cê vai escolher uma boa esposa pra mim e se isso for ajudar nossa tribo, fico feliz por ajudar nóis de alguma forma. Quanto ao cê assumir a nossa liderança, acho que nóis tá em boas mãos. Cê é sábia e tem pulso firme, prima. Precisamo de uma pessoa igual o cê pra nóis se reerguer. Em todo caso, se eu puder ser útil em alguma coisa, pode conta comigo, ok?


Finalizou dizendo.

- Prima, deixa eu te falar, cê pode fazer o ritual da conquista em mim?


avatar
Yorick MacAlister

Mensagens : 706
Pontos : 709
Reputação : 3
Data de inscrição : 28/06/2017
Idade : 28

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Gwen O'Dyna em 31.07.18 22:31

Aurora Serena riu, aquele risinho curto de trinado de rouxinol, quase irônico e cheio de subcamadas de significado:

- O righ concorda com você quanto à necessidade de invocação do totem. Mas o mais que se disse entre nós é que a seita tem problemas políticos específicos contra o sangue celta... ou contra o sangue do Belo Povo que dá intensidade ao sangue celta dos Fianna. - a ruiva sorriu daquele jeito torto e charmoso, virando a garrafa de hidromel para um trago longo - Pedi ao seu irmão de Tribo e augúrio que se juntasse a nós tão logo termine o que está fazendo. Da última vez que vi o Druida da Weaver, estavam juntos.

Dando de ombros, a garota imitou o gesto de tirar os All Star. Adorava a sensação de pisar a grama. A noite que ia no fim e a aurora do dia seguinte convidavam a correr pela mata fresca, mas aquele infelizmente não era o momento. Havia música e delírio no ar, novos laços de irmandade e mistérios, mortes recentes e presságios da não-morte.

- Desculpe deixá-lo abruptamente antes, Hagen. Mas agora corremos contra o tempo. Para encontrar Olho Digital e restaurar a honra do caern, profanado pelo roubo do corpo de um Garou. Aqueles que atentaram contra o corpo insepulto de um filho de Gaia pagarão com as próprias vísceras.

Mais um longo gole daquele horror engarrafado que tinha gosto de álcool de cozinha. Aurora Serena torcia o nariz e revirava os olhos, mas como Hagen parecia suportar a provação sem reclamar, fazia o mesmo. Estoicamente.
avatar
Gwen O'Dyna

Mensagens : 48
Pontos : 48
Reputação : 0
Data de inscrição : 12/07/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Hagen Bernhardt em 31.07.18 22:49

Hagen escuta sua irmã e é direto ao ponto.

' - Simples, sua irmã de tribo e augúrio fudeu em rio sagrado e está gerando o impuro perfeito. O caern está atento a isso. Todas as tribos estão atentas aos seus filhos, não sinta que os Fiannas estão sendo observados, todos estamos. Uma péssima época para transar entre nós...'


Hagen era direto e especifico, era um problema latente e assim, o mesmo coloca novamente seus tênis.


' - Vamos resolver isso ruiva, chega de ficar de mãozinha dadas aqui. '


Hagen se levanta, e aponta para Pórunn


' - Vamos nos juntar ao meu irmão, ir atrás de Caselli na umbra e falar com ele, para ir ao encontro de Olho-Digital, estamos conversando demais, mais ações e menos palavras. Me acompanhe. Vamos atrás de Caselli.'
avatar
Hagen Bernhardt

Mensagens : 319
Pontos : 318
Reputação : -1
Data de inscrição : 23/04/2018
Idade : 33
Localização : Noruega, Høvringen

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Gwen O'Dyna em 31.07.18 23:01

Não entendeu a referência a mãozinhas dadas, porque não estava dando as mãos para ele. Mas Aurora Serena não ia se dar ao trabalho de questionar nuances. Tinha acabado de descalçar os tênis e pensou seriamente em ir atrás de Hagen sem eles, mas o Fenris mencionou a Umbra. Prontamente calçou um pé após o outro, bebendo um gole ao final e caminhando um passo atrás do Ahroun, em silêncio.

Tinha visto Hagen conversar com outros dois Garou quando chegou à clareira, após buscar Pantaneiro na forjaria. Talvez não tivesse sido uma conversa muito agradável, vez que o loiro cuspia marimbondos e se impunha como um iceberg. Certamente não era a melhor hora para interpelar o irmão de matilha a respeito. Bebeu mais um gole de hidromel. Os assuntos a serem tratados depois se acumulavam e a ruiva suspirou baixinho, enquanto seguia até Pórunn e o filhote.

Hagen parecia ter mais desejo de ação que o righ, isso era certo. Então permaneceu um passo atrás, observando a forma como o Fenris conduziria a situação - e avaliando a capacidade de liderança deste.
avatar
Gwen O'Dyna

Mensagens : 48
Pontos : 48
Reputação : 0
Data de inscrição : 12/07/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Hagen Bernhardt em 31.07.18 23:13

Hagen vê que a ruiva estava com ele e fica feliz, o Fenrir era forte mas Pórunn era tão forte ou talvez até mais do que Hagen, isso o deixava feliz, afinal correr com um irmão de tribo era bem melhor do que qualquer ahroun. Hagen se aproxima de Pórunn, peito estufado, e para ali, falando com seu irmão de tribo e colocando a mão na cabeça do filhote, em glabro, Pavor começa a falar.

' - Olá filhote, tudo bem? '


Hagen dá um sorriso para o jovem, cordial e discreto, sabia que Pórunn estava ali para conseguir informações sobre o paradeiro do corpo de Tyler e assim Hagen se volta para o irmão de tribo.


' - Irmão, tive uma ideia... '


Hagen olha para o filhote e se lembra de quando era um, quando escutava sobre os garous e quando era ávido para ter o seu batismo.

' - O Totem de Tyler era Olho-Digital, um espírito da Weaver que fora mencionado na assembleia, assim como uma profecia, que dizia que algo sobre o morto que andava... Tudo me leva a crer que é sobre Tyler. Pois bem, decidi ir na umbra, procurar Visões-do-Futuro e ver o que nosso Godi pode nos dizer. '



Hagen dá uma pausa, e complementa:


- Quais as informações que conseguiu?'


Hagen dá aquele habitual cruzar de braços.
avatar
Hagen Bernhardt

Mensagens : 319
Pontos : 318
Reputação : -1
Data de inscrição : 23/04/2018
Idade : 33
Localização : Noruega, Høvringen

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Flor-de-lótus - Sereno-Trovão - Equilíbrio-da-vida - Sol-da-esperança

Mensagem por Antonio Xavier em 01.08.18 0:18

Antonio Xavier caminha ao lado de Flor-de-lótus ainda pensando sobre as palavras da juíza. Como estava um tanto distraído em seus pensamentos, não percebe de imediato que já está na presença do líder de sua tribo, a voz de Equilíbrio-da-vida o desperta para o presente.
O líder é bastante simpático com os membros da Fortaleza de Gaia e apresenta uma garou de sua matilha. Sereno-trovão havia sido apresentado a ela pouco antes da Assembleia, mas responde educadamente as solicitações do Galliard:

"- Muito obrigado, Equilíbrio-da-vida, mas não desejo nenhuma bebida no momento. Muito prazer, Sol-da-esperança. Sou Sereno-trovão, Antonio Xavier, impuro cliath theurge de Fortaleza de Gaia."


Antonio respira lentamente e volta a falar com bastante calma e respeito:

"- Equilíbrio-da-vida, venho até você para te fazer um pedido. Necessito aprender a tocar uma flauta que foi presenteada à Fortaleza de Gaia, vim até você para, além de me apresentar, perguntar se poderia me ensinar."


O theurge se cala a espera de uma resposta para o seu pedido, olha rapidamente para Flor-de-lótus e retorna seu olhar para o líder.
avatar
Antonio Xavier

Mensagens : 243
Pontos : 245
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/03/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Amélia Carder (Hominídea) - Fúria-de-Rá /Réquiem

Mensagem por Amélia Carder em 01.08.18 0:36


Amélia escuta com atenção a conversa fazendo algumas notas mentais para não esquecer, ao mesmo tempo que olha ao redor da clareira e observa os garous que estão por ali.
avatar
Amélia Carder

Mensagens : 59
Pontos : 59
Reputação : 0
Data de inscrição : 24/07/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ira-Desoladora-de-Fenris - 02 | Pavor-de-Jörmungandr | Aurora-Serena

Mensagem por Ira-Desoladora-de-Fenris em 01.08.18 1:05

Pórunn fica intrigado com a informação que o pequeno filhote lhe fornece.


* Seria possível um membro da própria Seita estar envolvido no sumiço de Oráculo-Digital? O que o Uktena poderia querer com um filho da Weaver? E o que mais este filhote quis dizer com os outros três filhotes terem "comportamentos bem estranhos”? Melhor tratar de descobrir agora!*



'- Diga 02, o que você…'


Porunn não consegue concluir sua indagação pois é interrompido. Hagen havia chegado, acompanhado da bela novata Fianna. Na verdade, ele não havia apenas chegado. Havia chegado roubando a cena. Entrou no meio da “investigação” e, como uma cachoeira despencando suas águas, deixou seus pensamentos caírem sobre Ira-Desoladora-de-Fenris, que nada disse.


* Pelas tetas de Audumbla! O Mestre de Cerimonias realmente estava certo quanto a minha intromissão. Agora sei o porquê de sua irritação. *


Enquanto Pavor-de-Jörmungandr fala, Pórunn olha para a jovem novata que acompanhava seu irmão e lhe fez um leve comprimento, baixando sua cabeça em sinal de respeito. Quando finalmente o filho da Jarl termina, Porúnn o responde usando a linguagem materna... o norueguês:



'- … Certamente essa informação será de grande valia para Visões-do-Futuro, Modi. Siga para o Cemitério, você o encontrará do lado espiritual. Por hora as informações inda são poucas, mas quando eu terminar levarei ao conhecimento da matilha todo que colhi. Agora vá! Que Fenris acompanhe seus passos.’


Feito isso aguardou a reação de Hagen para dar continuidade ao diálogo com Inácio, torcendo para o afago daquele Fenris não atrapalhasse o trabalho do filhote. 
avatar
Ira-Desoladora-de-Fenris

Mensagens : 92
Pontos : 92
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/05/2018
Localização : Skarsvåg, Noruega

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sussurros-de-Bran - Pantaneiro

Mensagem por NarraDiva em 01.08.18 5:52

Yara ouve as palavras de Yorick, que, como o mesmo amor próprio do frango da propaganda da Sadia, parecia ser favorável a seu nome. Imaginava que alguém com uma bíblia de erros para contar não ia querer uma linha dura no comando da tribo, mas fica satisfeita que seu primo demonstrava um sopro de bom senso:

'- Eu farei de tudo para ser a líder. Nossa tribo precisa de uma Philodox para recuperar o respeito que o Cervo sempre teve em todos os Caerns.'

Não deixa de olhar rapidamente na direção de Gwen e respira fundo, comentando com Yorick:

'- Mais do que nunca precisamos resgatar o que é ser Fianna e lembrar a todos nessa seita, até aos nossos, porque o nosso Totem é um dos principais totens de respeito da Nação.'

Por fim, frusta Pantaneiro:

'- Quanto ao Rito, eu não posso lhe ajudar. Não o conheço. Sugiro que procure um Galliard, eles são especialistas nesse tipo de ritual. Estrela-da-Manhã deve poder ajudá-lo.'
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Inácio (Filhote) - Ira-Desoladora-de-Fenris | Aurora-Serena | Pavor-de-Jormungandr

Mensagem por NarraDiva em 01.08.18 5:56

Inácio fica calado diante da chegada de outros Garous. Fazia seu trabalho em silêncio. O garoto tinha aparência de uns 12 anos apenas, pele clara e emanava uma baixa raça pura (2).
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Flor-de-Lótus (G) | Sol-da-Esperança (H) | Equilíbrio-da-Vida (H) - Sereno-Trovão

Mensagem por NarraDiva em 01.08.18 5:59

'- Será um prazer, Sereno-Trovão.' - diz sorridente Equilíbrio-da-Vida.

Flor-de-Lótus não aceita o chá, que era tomado pelos outros dois Garous mas mantinha uma expressão serena em seu rosto. Sem meias palavras, comenta:

'- Acho que precisamos conversar, em tribo, sobre a profecia de Equilíbrio-da-Força.'

Seu olhar analítico aguardava reações e a Ahroun é quem responde:

'- Faremos isso na reunião de tribo. Aqui não é um local com a devida privacidade.'


Última edição por NarraDiva em 01.08.18 9:11, editado 1 vez(es)
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Asas-de-Cailleach

Mensagem por NarraDiva em 01.08.18 6:00

A Fianna pode observar que havia um grande número de Garous no Caern. Muitos extremamente bonitos e portadores de notável Raça Pura.
avatar
NarraDiva
Admin

Mensagens : 3624
Pontos : 3715
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

Ver perfil do usuário http://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Elaijah Maickoson em 01.08.18 7:06

Réquiem / Asas-de-Cailleach / Fúria-de-Rá
Crinos


Asas-de-Cailleach não expõe sua opinião sobre o que o Portador da Luz Interior propôs. Então ele indaga novamente.
-O que você me diz sobre o proposto sobre o ensinamento do ritual e sobre ajudar no ponto de encontro Asas-de-Cailleach?

Elaijah escuta o que Fúria-de-Rá tinha a dizer sobre vampiros e como bom combatente ele presta atenção e faz notas mentas para poder criar estratégias para derrotar o inimigo.
- Fúria-de-Rá e você tem em mente alguma coisa para essa proteção mental? Eu penso em amuletos que podem criar bloqueios para o mesmo... O que acha sobre isso?

Pelo que o Ahroun pode ver o dia seria tão agitado quanto a noite.
*Espero poder dar conta de tudo isso e descansar.*
avatar
Elaijah Maickoson

Mensagens : 131
Pontos : 132
Reputação : 1
Data de inscrição : 21/03/2018
Idade : 30

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Clareira Central

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 13 de 39 Anterior  1 ... 8 ... 12, 13, 14 ... 26 ... 39  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum