Cemitério - Lar dos Ancestrais

Página 25 de 28 Anterior  1 ... 14 ... 24, 25, 26, 27, 28  Seguinte

Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Convidado em 28.12.18 14:45

Antonio Xavier começa a estudar o ritual junto com Bruno repassando as lições aprendidas durante o dia. O Portador da luz sabe que irá gastar algum tempo com o aprendizado total do novo conhecimento e entre uma passagem e outra de estudo, o theurge fala com o Andarilho:

"- Bruno, caso seja necessário por questões temporais, você pode seguir com a matilha para a Umbra: resolver as pendências com o totem. Não quero ser um peso e atrapalhar o seguimento de nossas missões. Eu acredito poder finalizar as minhas lições e em pouco tempo encontrar com vocês. Caso seja necessário."

O Portador dá um leve sorriso, após a última frase.

Off: 4 sucessos no teste de aprendizado do Ritual
Sereno-trovão aprendeu.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Pantaneiro (Crinos) - Fortaleza de Gaia

Mensagem por Convidado em 28.12.18 15:15

- Que bom, Fênix-de-Prata. Fico feliz em saber que ax coisax vão se manter como está. Muito obrigado e inté.

Cumprimenta o Presas de Prata em um sinal de respeito e volta para onde estava a matilha. Luna e Padmatavi já tinham ido procurar seus desafios. Hagen e Bjorn conversavam, assim como Bruno e Antonio também. Chega e diz em Garou.

- É isso aí, galera. Tudo permanece como ta. O Urso continua com nóix e vamo pra Umbra pra aprender os donx que nóix ia aprender antex e repassar essa informação pro nosso Totem porque ele pediu pra nóix uma resposta. E tamém apresentar Bjorn pra ele.

Finaliza.
- Bora então?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Bruno Caselli (Crinos) - Fortaleza de Gaia

Mensagem por Bruno Caselli em 28.12.18 16:38

Bruno ouve as palavras de Antônio e concorda com um aceno de cabeça. O Theurge já estava praticamente com o ritual aprendido, bastava-lhe tempo para acertar os detalhes finais e diante da abordagem de Pantaneiro ele se manifesta:

- Certo. Peço apenas que deixe Sereno-Trovão aqui. Ele está praticando para terminar de aprender o ritual de invocação.

- Peço que aqueles que seguirão a Umbra comigo toquem em mim. A Película está muito rígida e eu não vou arriscar perder vocês nas teias. Irei forçar a passagem com minha energia espiritual.


Após dizer isso, Bruno apenas aguarda que os demais lhe tocassem para que pudesse partir.
Bruno Caselli
Bruno Caselli

Mensagens : 306
Data de inscrição : 02/07/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Bjorn, o batuque de Thor em 28.12.18 17:50

*Melhor deixar o ritual para depois, afinal tenho pressa em derramar o sangue da Wyrm*


-O pavor da Jörmungandr  o ritual pode esperar pra depois. O chamado ao dever nos chama. -fala em garou para Hagen


Então se aproxima de Bruno e antes de ir comenta.


-Antes de ir sinto que estão mais calmos do que deviam e após eu ser aceito pelo Urso devemos fazer a Wyrm sangrar não é isso? Posso fazer um ritual para trazer a raiva interior de cada um de volta. Mas somente os fortes conseguirão. -faz um pequeno sorriso como tivesse um truque na manga. Afinal essa era apenas mais uma das funções dos Skalds manter a chama da batalha acesa inspirando aos seus irmãos o combate incessante a Wyrm. 


Bjorn aguarda os outros irmãos e toca no ombro de Bruno. 
Bjorn, o batuque de Thor
Bjorn, o batuque de Thor

Mensagens : 155
Data de inscrição : 03/12/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Gabriel Villas Boas em 28.12.18 18:45

Gabriel acompanha esse vai e vem com as matilhas em silêncio. Ele tinha a impressão que o Uktena estava tentando mostrar seu valor como Alfa e engendrar a missão de imediato. O silêncio do Filho de Gaia apenas é quebrado após as ponderações do Senhor das Sombras:

"- O Juiz tem razão, Sussurros-Solitarios. Acabamos de resistir uma grande ofensiva aqui mesmo dentro do nosso Caern. Precisamos pensar em estratégia e nos preparativos para a missão, se não queremos falhar com ela."
Gabriel Villas Boas
Gabriel Villas Boas

Mensagens : 264
Data de inscrição : 25/05/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Convidado em 28.12.18 19:23

Hagen concorda com a cabeça, precisava aprender os novos dons e assim diz:

- De acordo, vamos para a umbra... após isso, façamos o ritual.

Hagen olha para Bjorn e o responde.

- De acordo Batuque-de-Thor, mais garras contra a corruptora.

Hagen sorri e toca o ombro de Visão-do-Futuro.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Sussurros Solitários em 28.12.18 20:06

Forma atual: Crinos

O Uktena escuta as palavras de seus dois juízes e pensa:

*Como os macacos são apressados... Por que eles insistem por palavras na minha boca?*

O lobo olha para dois e fala com tranquilidade: 


"- Eu estava apenas falando como faríamos Sentinela-das-Sombras. Não quer dizer que vamos fazer isso imediatamente."

O Lobo pausa por um momento e continua:

"- Alguém tem mais alguma coisa que precise fazer além do que já foi dito?"
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Arauto-da-Morte em 28.12.18 21:52

Forma Atual – Crinos

A conversa com a Redentores é curta e direta, porém, não passa desapercebido que Yanara olhava com certa curiosidade ao Lobo...

*O que será que ela ainda não sabe, ou, que sabe e eu não sei?*

Aquela Theurge, desde o primeiro momento, se mostrara uma criatura excepcionalmente complexa e intrigante, mesmo que sua postura e conduta sempre tenha sido direta e simples, Royce não podia deixar de admitir à si mesmo que a admirava, e, ele sabia, esse era o primeiro passo para se foder..

O lobo então logo passa a ideias iniciais, o Ritual da “Péda” caçadora..

*Preciso aprender esse bagulho..*

.. E a inevitável consequência da “péda”, o Roubo.

O Juiz então, que tinha o desejo de comando inerente à todos os senhores das sombras que ele já tivera contato, vide Luke, faz parecer que as ordens do Alfa seriam de cumprimento imediato e, com a língua ferina de um mestre, veste uma ideia inicial em uma bela roupa de estupidez.

*Não posso dizer que ele não é bom..*

Como que para confirmar o pensamento do Ragabash, Gabriel é o primeiro a morder a isca, propondo, em suma, nada mais do que o óbvio..

*temos de ter um plano? CARALHO? SÉRIO? NÓS SEMPRE TEMOS DE TER UM PLANO...... Até pra ir na PORRA do Pet Shop.. hehehehehe..*

O Pensamento era o toque de morbidez que costumava sempre ser presente no humor do Peregrino..


“-Pessoalmente eu gostaria de meditar um pouco para recuperar um pouco de essência espiritual, sinto uma dificuldade maior em acessar meus dons.. – Olhando para o Filho de Gaia, continua - ... Sobre nosso plano de ação, acho que, antes de traçarmos, o básico seria esconder essa sua cara de assombração Lobo, posso te arrumar meu capuz – O Sorriso é quase imperceptível - e que cada um aqui portasse algo com o que pudesse vir a combater na forma Glabro, na boa, não rola a gente bobear com o véu..”

Voltando-se para todos..

"-O Carro eu desenrolo quando pisarmos na rua.."

Virando-se para Cesar, digo, Victor..Ta na hora de dar o seu..

“-Concordo com Sentinela das Sombras, os inimigos da FESN já desejavam nossa cabeça, e, com o que acabou de rolar, tudo vai estar pior. Deveríamos apresentar nossos irmãos ao Totem, porém, isto envolveria uma travessia de ida e volta da Umbra, o que poderia esgotar ainda mais a energia espiritual conjunta da matilha, logo, não sei o que seria mais proveitoso.. e, por fim, o que o leva a crer que os dois presas de prata devem estar juntos Victor?”

A curiosidade do Peregrino não era fingida ou forçada, era apenas natural..

Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Victor Montenegro em 28.12.18 23:11

'- Concordo, Hadrian e por isso deve a primeira coisa a ser feita. Antes das meditações. Eu posso nos levar e retirar da umbra, não é problema. - Responde o Philodox que reverte á sua forma racial para acender um cigarro. Após o primeiro trago responde de forma direta ao segundo questionamento:

'- Quanto aos presas de prata, porque fui informado que eles fugiram juntos quando souberam da nova caçada entoada pela língua solta de Hagen.'
Victor Montenegro
Victor Montenegro

Mensagens : 906
Data de inscrição : 28/06/2017
Idade : 34
Localização : Rio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Bruno Caselli (Crinos) - Fortaleza de Gaia

Mensagem por Bruno Caselli em 28.12.18 23:39

Faltava apenas Pantaneiro para que partissem para a Umbra. Aproveitando, Bruno olha para Bjorn e diz:

- Eu preferiria evitar ter acesso a mais fúria. Não consigo gastá-la na mesma velocidade que vocês e isso pode se tornar um problema. Pretendo ir a missão com um nível ainda menor do que o que estou atualmente. Um frenesi durante a missão de resgate ao Urso ou na investigação contra a vampira pode colocar tudo a perder.

Após se explicar, Bruno olha para Pantaneiro e espera que ele também o tocasse para que pudessem ir para a Umbra.


Última edição por Bruno Caselli em 29.12.18 20:53, editado 1 vez(es)
Bruno Caselli
Bruno Caselli

Mensagens : 306
Data de inscrição : 02/07/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Cólera-de-Balder (C) - Matilha Olhos da Tempestade

Mensagem por NarraDiva em 28.12.18 23:43

Cólera-de-Balder, diante das palavras de Victor, apenas comenta:


'- Língua solta que colocou a perder um plano idiota baseado numa mentira... tudo errado por aqui...' - resmunga o Fenris.
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 36
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Sussurros Solitários em 29.12.18 0:00

Forma atual: Crinos

O Theurge escuta as palavras dos companheiros de Matilha e responde:


"- Sobre eles estarem juntos, não temos certeza se ainda o estão. Se todos os bebês morreram e Guardião-Ancestral perdeu sua cria, é possível que ele esteja com sua fêmea. Além do mais garous de posto mais elevados falaram para cada um ir atrás do garou de sua matilha e iremos fazer isso."

Após uma pequena pausa o lobo continua:


"- Pois então vamos recuperar nossa energia espiritual depois de apresentarmos o novo irmão ao Totem. Pode nos levar a umbra."
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Convidado em 29.12.18 0:32

- se possivel, apresnetar Olhos-de-Corvo também...


Diz a Ragabash, se aproximando dos irmãos de matilha na forma de Crinos e parando próxima de seu alfa.

Enviado pelo Topic'it

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Diogo'Papo-Reto' Moncorvo em 29.12.18 0:50

Forma atual: Crinos.
Interações: Papo-Reto - Matilha Olhos da Tempestade.

A matilha Redentores enxota o grupo de Cliaths e Fosterns, definindo que cada um cuidaria dos seus... no caso, a Olhos da Tempestade que se virasse pra achar o tal Guardião-Ancestral! Isso não parecia ser um problema, tanto que o lupino traça um rápido plano que poderia ser colocado em prática.

Entretanto, o tal Sentinelas-das-Sombras pede as palavras e inquire sobre o tempo das coisas, como se eles fossem sair dali imediatamente para fazer aquilo. A porra do outro Philodox entra na onda e fala mais uma pá de obviedades. O Alpha rebate e o Ragabash entra no disse-me-diz; aquilo parecia que poderia demorar e, por Gaia, uma pequena discussão por uma coisa idiota era tudo o que o lua gibosa não queria! Seus pés doíam depois de andar pra caralho, se tivesse uma dor de cabeça por causa das discussões de alguém, com certeza ele esperava que lhe pagassem ao menos uma cerveja!

No fim, a praticidade dos de quarto-patas fazia com que o Uktena não perdesse tempo e logo decidisse que iriam apresentá-lo ao Elefante, recuperariam suas energias e, logo depois, partiriam atrás do irmão. Como seria Sentinela-das-Sombras o intermediador da passagem, Diogo apenas espera que a mesma ocorresse, aproximando de seus irmãos, quando percebe a presença de uma outra Garou. 

*De onde saiu essa porra?*

Ele olha pros irmãos de matilha e os conta... um, dois, três, quatro, cinco, seis... Ele havia sido apresentado a apenas seis irmãos de matilha. Ele olha para a lupino, que ainda não conhecia, e a cumprimenta:

'- Ainda não fomos apresentados, irmã,  mas eu sou Papo-Reto, Galliard dos Roedores de Ossos, nascido nas duas patas, Cliath.'

Ele espera uma resposta para, enfim, seguirem o rumo das apresentações.
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo

Mensagens : 687
Data de inscrição : 02/07/2017
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Cólera-de-Balder (C) - Matilha Olhos da Tempestade

Mensagem por NarraDiva em 29.12.18 10:17

Siegfried fica aguardando Victor obedecer aos comandos do Alfa.
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 36
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Sussurros Solitários em 29.12.18 10:30

Forma atual: Crinos

O Lupino ouve as palavras da Ragabash que de tão quieta parecia ter ficado invisível e apenas assente com a cabeça e fica esperando os que ainda possuíam gnose fazerem a travessia.
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Arauto-da-Morte em 29.12.18 12:15

Forma Atual - Crinos

O Ragabash apenas se aproxima de sentinela das sombras para participar da travessia, e, estranhamente, se pegou pensando na coruja...

*Como você deve estar?*
Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Convidado em 29.12.18 13:22

A Garou totalmente negra o olha bem, os olhos curiosos e bem abertos, o analisa enquanto se aproxima com uma expressão quase vazia...no fim, ela mesma se apresenta, parecia apenas muito calma:

- Olhos-de-Corvo... Sem Lua dos Senhores da Sombra, lobo e Cliath. Também acabei de chegar na matilha.

Ela olha então para o alfa, para seu irmão de tribo e diz, sem querer pular hierarquias:

- Olhos-de-Corvo ter energia espiritual, poder abrir para irmãos?


Enviado pelo Topic'it

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Sussurros Solitários em 29.12.18 13:34

Forma atual: Crinos

A Lupina que não havia participado de todas as tribulações da noite ainda tinha energia espiritual e se oferecia para abrir o caminho. O Uktena responde:

"- Sim. Nos leve a umbra."
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Convidado em 29.12.18 13:51

A lupina não aguarda muito mais assim que recebe a permissão de seu alfa. Concentra-se e usa sua energia espiritual para abrir a película que separava os dois mundos... ela extende a pata para os irmãos de matilha que desejassem ir com ela para que pudessem ir juntos.

Enviado pelo Topic'it

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Victor Montenegro em 29.12.18 15:42

Victor faria a travessia, mas quando Olhos de Corvo se oferece, o Philodox não se opõe e apenas encosta na irmã de tribo para ir para umbra.

OFF: Segue na Umbra.
Victor Montenegro
Victor Montenegro

Mensagens : 906
Data de inscrição : 28/06/2017
Idade : 34
Localização : Rio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Cólera-de-Balder - Matilha Olhos da Tempestade

Mensagem por NarraDiva em 29.12.18 15:58

Siegfried toca na lupina e segue para a Penumbra.


Like a Star @ heaven Cena Segue na Penumbra.
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 36
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Gabriel Villas Boas em 29.12.18 16:22

Gabriel tenta entender a necessidade de atenção do Peregrino ao soltar piada que não logra em fazer ninguém rir. Por isso, dá de ombros às provocações. Estabelecido que o próximo passo seria ir para o plano espiritual, recuperar energia e apresentar os novos membros da matilha, Gabriel faz como os demais e toca a Loba.




Off: segue na umbra
Gabriel Villas Boas
Gabriel Villas Boas

Mensagens : 264
Data de inscrição : 25/05/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Diogo'Papo-Reto' Moncorvo em 29.12.18 16:31

Forma atual: Crinos.
Interações: Papo-Reto - Matilha Olhos da Tempestade.


Com a lupino se apresentando e oferecendo-se pra fazer a travessia, Diogo se aproxima e aproveita a passagem para o mundo dos espíritos.

Segue na Umbra Rasa (Penumbra).
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo

Mensagens : 687
Data de inscrição : 02/07/2017
Idade : 25
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Arauto-da-Morte em 29.12.18 16:35

Forma atual - Crinos

O  Peregrino, vendo que a lupina os levaria, fica grato e, encostando suavemente para um Crinos, segue com o restante da matilha.

OFF: Comtinua na penumbra.
Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cemitério - Lar dos Ancestrais - Página 25 Empty Re: Cemitério - Lar dos Ancestrais

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 25 de 28 Anterior  1 ... 14 ... 24, 25, 26, 27, 28  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum