Clareira Central

Página 22 de 40 Anterior  1 ... 12 ... 21, 22, 23 ... 31 ... 40  Seguinte

Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Sangue-dos-Quatro-Ventos (crinos) - Juízes, Julgados, Todos

Mensagem por Deganawida "Degan" Oneida em 24.04.18 16:46

Degan escuta o veredicto de Temido-Como-Vulcoes e ele, que já achava o Fenris incomum, só vê essa diferença aumentar depois de todo seu discurso.

Eu que realmente achava que talvez a ideia desses julgamentos fosse apaziguar os ânimos, como instrui o Aro Sagrado, vejo que não restará pedra sobre pedra... E isso é bom...

E realmente, os líderes, ou melhor, ex-lideres, se viram em polvorosa com a serie de condenações de Temido-Como-Vulcoes. Degan se sente satisfeito por fazer parte daquilo e ver que, mesmo que por pouco, seu discurso sobre o Boitatá havia sido agregado à sentença. Temido-Como-Vulcoes não poupa nem a si mesmo.

Fosse outra situação, Degan sorriria. Ver estrangeiros da Wyrm pagando com sua honra pelas ações estupidas cometidas contra a Mãe era algo pelo qual todo Wendigo ansiava. Mas dessa vez, ele não pode fazer isso: a perda havia sido grande demais e ainda havia uma questão a resolver...

Estrela-da-Manhã, por mais que eu te ache fraca, você não pode morrer... Por sorte, você tem um argumento para provar sua força.... E eu pretendo levanta-lo quando a hora chegar. Mas sua punição, ainda assim será dura...

O Wendigo assente com a cabeça para todas as punições. Ele aguarda a manifestação de Temido-Como-Vulcoes e a próxima etapa daqueles julgamentos com curiosidade.
Deganawida
Deganawida "Degan" Oneida

Mensagens : 496
Data de inscrição : 01/07/2017
Idade : 44

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Arauto-da-Morte em 24.04.18 17:17

Forma Atual - Crinos

Aproveitando-se dos inúmeros burburinhos que tomam conta da seita após o bombástico veredito de temido-como-vulções, o Peregrino aproxima-se discretamente de seu líder tribal, coloca-se estrategicamente próximo, de maneira que precisasse projetar sua voz o mínimo possível.

"-Sussurros-Solitários, preciso falar com meu líder tribal, é importante, é sobre o totem de minha tribo, precisa ser falado antes do fim da assembleia. Peço autorização para discretamente ir ter com contos-de-hélios, voltarei rapidamente."

Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Sussurros Solitários em 24.04.18 17:48

Form atual: Crinos

O Lobo olha desconfiado por um segundo para o Lua Nova e lembra-se de todo o caso que ele relatou mais cedo sobre o incidente com a Roedora de Ossos. Realmente era um problema sério e ele acha sábia a atitude do Filho da Coruja de ir falar com seu líder tribal ao invés de fazer uma acusação que ele não sabe como seria visto por sua tribo. 

O lobo assente com a cabeça e fala:


"- Faz bem. Seja rápido e discreto."
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Convidado em 24.04.18 17:55

Crinos


Temido-Como-Vulcões percebe a ausência de Reflexo-da-Lua mas a confusão toda faz o acontecimento seja tratado como algo menor, ela é eliminada do torneio tirando a invencibilidade de sua Matilha, sua Alfa ratifica que saídas da assembleia sem autorização traram consequências. Pantaneiro também é eliminado do torneio fazendo assim com que Flagelo-da-Wyrm fosse para a próxima fase sem lutar, não era algo que ele queria fazer, queria ensinar um pouco de modos para aquele Fianna.


*Não foi dessa vez Fianna mas você vai aprender a ter modos na base da porrada e nunca mais insinuara que um Fenrir é covarde.*


O Fianna já estava posicionado ao centro da Clareira para o início do ritual, esmurrava o chão para se livrar da Fúria, a pedra do escárnio já estava preparada e seu Juiz faz um comentário que é respondido com um aceno afirmativo de cabeça.


*Ninguém quer ser eles, são uma total vergonha para os Garous, os humanos e os lobos. A constrição que estão recebendo ainda é pouco, são seres como eles que fazem essa maldição ser um fardo ainda maior.*


Antes do Ritual começar Bardo-Forjador se pronuncia pedindo uma punição a Spybot, Temido-Como-Vulcões se pronuncia mas Bit-Coins intervém e faz a punição ser mais branda.


*Fiannas são uns lixos... O Andarilho impediu que aquele imundo fizesse algo pior e aquele covarde do líder deles ainda pede uma punição, os filhos do Cervo que deveriam ser expulsos dessa seita.*


- Fiannas... - Resmunga entre os dentes.


O Caçador de Verdades pune com a voz de Chacal o Ahroun falastrão e iniciasse o escárnio. Um a um falam a verdades sobre aquele ser que se diz Garou, cada palavra é pouco para descrever a vergonha de sua existência com exceção do Roedor "Renegado" de Ossos que acha que aquele momento é uma brincadeirinha.


*A matilha é um reflexo do ser deturpado que é o Alfa.*


Temido-Como-Vulcões se pronuncia e mostra como era vergonhosa as palavras pai dos impuros.


Olha em direção a Réquiem, espera que não deixa a vergonha acontecer com eles e em seguida olha para seus irmãos de Matilha, a pedra estava em suas mãos e enquanto gravava um glifo de covardia ele falava.


- É um covarde. Um desonrando que envorgonha toda a nação, você é uma pária até para os Fiannas. Você é incapaz de conter os membros de sua matilha e zelar por ela, o que faz ser um Alfa incompetente. Deixa sua Fúria tomar conta e derrama sangue de um irmão em frente ao nosso Totem de forma desleal, não pode ser intitulado Guerreiro de Gaia ou Luna, você é um lixo, tenta demonstrar com palavras o que deveria fazer com suas garras e presas contra a Wyrm, é uma vergonha se intitular nascido sob a Lua Cheia. Toda a desgraça dita sobre você é pouco, sua existência mancha a sociedade Garou e todos os seus guerreiros. Gaia chora em saber que você continua existindo.


Passa a pedra a diante, estava indignado com todos os acontecimentos, começará a acreditar que a maldição sobre os Fiannas era pior que a dos outros Garous. A conversa paralela na matilha era sobre o controle da Fúria e a preocupação do Vidente e da Alfa sobre isso.


*É uma maldição mas deve se focada, pelo menos é isso que aprendi essa noite.*


Garras-do-Trovão pega o osso, toma palavra e dá um passa fora em Invocador-do-Abismo, o que deixa o Modi feliz e com certeza sua matilha.


*Se ninguém tem haver com meu dogma também não precisa ficar sabendo do meu totem.*


A Assembléia continua e dessa vez em pauta a traição dos Crias de Fenris, Senhores das Sombras e Presas de Prata, Garou são chamados para representar a acusação, a defesa e auxiliar o juíz. Eles tentam custurar um acordo na frente de todos, de forma com que livrasse a pele da maioria.


*A corrupção está imaculada neles, são covardes com medo da realidade, me envergonha ver um Fenrir participando disso e é mais vergonhoso um Philodox Fenrir referendar isso tudo.*


Mas Temido-Como-Vulcões não era um cara que gostava de circo e muito menos de ser o palhaço. O Caçador da Verdade não tem o mínimo de pena em destroçar todos os envolvidos incluindo o Ragabash Fenrir com punições pesadas.


*Doa a quem doer... Ele tem o meu respeito.*


E dito e feito, ele se pune também de forma tão pesada quanto qualquer um. O Caern tinha um Juíz que faria que a Justiça de Gaia fosse feita.


Temido-Como-Vulcões virará assunto em sua Matilha, o orgulho de ser Fenrir enchia o peito de Flagelo-da-Wyrm.


- Fenris fazem o que tem que ser feito.


Dessa vez ele acreditava em suas palavras.


*Farei o que tem que ser feito.*

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Arauto-da-Morte em 24.04.18 18:22

Forma Atual - Crinos

Com um rápido aceno de cabeça, o Ragabash rapidamente esquadrinha a assembleia e traça o melhor caminho até seu líder tribal.

Discretamente, esgueira-se pela assembleia, basicamente passando desapercebido por todos os presentes.

Ao chegar ao lado do Peregrino, sussurra em seu ouvido.

"-Contos-de-hélios, preciso ter uma palavra em particular contigo, o assunto é urgente depois do que presenciei nesta assembleia - Olha de esguelha para a roedora da matilha deste tentando garantir que esta não ouvisse - o que tenho para falar, seria apenas para os ouvidos dos Peregrinos, não devo tomar muito de seu tempo."

Aguarda a resposta de seu líder tribal para que possam achar um local um pouco mais reservado dentro da assembleia para que possam conversar rapidamente.

OFF: Hadrian obteve 07 sucessos no teste de furtividade para mover-se pela assembleia.
Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Derek Spencer em 24.04.18 20:32

Spybot (Crinos) - Todos

O Ritual finalmente acaba e Pantaneiro, cabisbaixo, volta para perto de sua matilha. Spybot se recusa a dar palavras de consolo para o Fianna, não por ter partido pra cima do Ragabash mas sim por ter pensado com a cabeça do dedão, como que um Alpha da matilha que acabou de se formar, estava com holofotes negativos pra si pelo egoísmo do Roedor de Ossos e pela estupidez do Galliard da tribo do Alpha, aquele era um questionamento que o Ragabash não achava a resposta.

Se concentrava apenas na assembleia e na nova fase que se iniciava os outros julgamentos. Já começa inovando com os Philodox mais novos indo auxiliar o Juiz Fenris, o Andarilho acompanha as palavras com curiosidade, gostaria de saber o que cada um alegaria para sua defesa, gostaria de saber o que aconteceria com as tribos e quando os encarregados começam a falar, Derek acha que abriram as portas de um circo e fica de queixo caído, simplesmente acharam que ia rolar um acordo após a traição e tudo tava sussa?

Graças a Gaia Temido como Vulcões era rígido e finalmente alguém realmente buscava colocar ordem na casa, os Fenris pune com rigor todas as tribos envolvidas na traição e ele mesmo inclusive, Spybot achava tal atitude admirável porém novamente Degan demonstrava ser um Juiz de mãos leves, Grito de Guerra poderia ter sido parado em seu primeiro julgamento e como consequência da sua tranquilidade e suavidade ao punir, perderam Tyler que seria o trunfo na missão de ida ao Reino Cibernético.

Spybot fica observando as reações ao término do veredicto e apenas esperava sua vez de ser julgado, já pensava que receberia uma puta punição e não fugiria da responsabilidade de ter matado o Galliard Fenris.
Derek Spencer
Derek Spencer

Mensagens : 313
Data de inscrição : 27/06/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Skullhead (Crinos) - Matilha Olhos da Tempestade | Todos

Mensagem por Diogo'Papo-Reto' Moncorvo em 24.04.18 21:34

*É, deu merda mesmo...*

Ao contrário do que imaginava, Temido-como-Vulcões fica extremamente puto com toda a situação montada entre defesa e acusação. Ele é implacável na pena, arrasando com os renomes de todos e destituindo todos os líderes tribais das quatro Tribos mencionadas... incluindo ele mesmo.

*ESSE CARA É UM MALUCO, PORRA!*

Todos saem mazelados daquele pequeno julgamento e Skullhead percebe que Hadrian pede autorização para ir até seu líder tribal resolver algo. Sussurros dá o aval e ele segue. Skullhead, entretanto, só conseguia pensar em que outras penas ele poderia dar naquela noite. A cabeça dele também estava na reta.
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo

Mensagens : 687
Data de inscrição : 02/07/2017
Idade : 24
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Pantaneiro ( Crinos ) - Assembléia / Fortaleza de Gaia / Todos

Mensagem por Convidado em 24.04.18 21:42

Perdido em seus pensamentos, o primeiro a se manifesta era Kiba propondo um pacto de silêncio onde somente responderiam. Pantaneiro analisa aquilo por um segundo e pondera as palavras do Roedor. Diante de tudo não era uma ideia ruim, mas seria suicídio acatar aquilo. No entanto, um gesto de companheirismo vindo do mesmo mais uma vez faz com que Pantaneiro brote um pequeno sorriso. Sinaliza com a cabeça concordando e refletindo.

"Lidar com isso e seguir em frente... parece tão fácil e tão óbvio..."

Claro que era muito mais fácil falar. Kiba faz notar sua cauda e nesse momento Pantaneiro se dá conta que não era o único que tinha grandes problemas. O Roedor também estava passando por maus bocados e depois dos dois tapinhas, mais um sorriso para Kiba agradecendo a força de vontade de ajudar a levantar sua auto-estima. Padmatavi faz uma boa reflexão sobre o silêncio e suas palavras eram carregadas de sabedoria. Se manifestar de forma sábia talvez seria a grande lição que havia ficado para Pantaneiro, que também, da mesma forma, sinaliza em concordância com a juíza.

Decide então focar na continuidade da Assembleia, que agora, julgariam as tribos que foram as responsáveis pela rebelião. Em um primeiro momento, os Fiannas ficariam com o título de tribo responsável por colocar o Caern em risco. Crias de Fenris e Senhores das Sombras por agir de forma enganosa, o que era a mais pura verdade. E os Presas de Pratas por agir de forma enganosa sob grande adversidade.

"Uma tribo responsável por colocar em risco o Caern e outras três por ser enganosa... Quem tá certo ou quem tá errado? Todos errados com certeza..."

Por final uma surpresa que Pantaneiro discordava, mas não ousaria a questionar novamente. Os Senhores das Sombras se achavam dignos de renome por descobrir a lástima que prejudicava o Caern. Aquilo para Pantaneiro, era jogar um copo de água em um rio cheio de merda. Tudo parecia que ia se encaminhar para um grande acordo e daí, outra surpresa. Temido-como-Vulcões, que já tinha temido no nome não era a toa, joga um balde de água fria em todos pela frieza que tratavam do assunto. Ou talvez pela banalidade de achar que tudo se resolveria de forma tão... simples. 

E não se resolveria. A bomba vem logo de cara. Escuta as penalidades que os Fiannas receberiam e fica pasmo. Eram duras penas para os Fiannas e por final, Bardo-Forjador expulso do conselho de líderes.

"Não pode ser! Isso não pode acontecer! Ninguém tem a artimanha pra ser líder dos Fiannas como Bardo-Forjador tem..."

Nesse momento, a única coisa que Pantaneiro conseguia imaginar era o negão da piroca enrabando um a um dos Fiannas. O ferro tinha entrado com força. Bardo-Forjador até tenta dar o troco em Júbilo-das-Górgonas com as cartas que tinha, mas era apenas um peido na podridão. 

E daí foi a vez dos Fenris. E mais outro choque. Era a mesma punição com um grande detalhe o próprio Temido-como-Vulcões se punia e se destituía.

"Taí uma coisa que eu achava que jamais iria ver..."

Sua pena era dura. Invés de dupla, era quádrupla perda de renome. E então os Presas de Pratas, que recebe a mesma punição, mas ninguém é destituído de porra nenhuma. E por final, os Senhores das Sombras. Ficaria feliz em escutar o nome do Victor ser fodido de alguma forma, mas sabia que o desgraçado não dava ponto sem nó. Para os Senhores das Sombras, as mesmas punições e a destituição do líder. Algo parecido com os Fiannas, só que pros Fiannas, o gosto é mais amargo.

"Quem queria fazer acordo, não vai mais..."

A tentativa de burlar a porra toda por parte de todos vai por água a baixo. Diante disso Pantaneiro seguia quetinho na sua.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty ASSEMBLEIA PARTE XXXII | Julgamentos | Garous que atacaram com golpes não-letais

Mensagem por NarraDiva em 24.04.18 22:54

O Cria de Fenris observa o quinteto com planos frustrados voltar ao seu lugar e chama a próxima leva de julgados. O Ancião diz com sua potente voz:

'- Apresentem-se os réus Cólera-de-Balder, Ira-de-Thor, Glorioso-Punho-de-Odin, Garras-do-Falcão-Noturno, Legado-do-Trovão. Junto a estes também estão como réus mas não se manifestarão em sua própria defesa este juiz que voz fala, Temido-Como-Vulcões e o Mestre do Desafio do Caern, Sopro-da-Justiça-de-Merlin. A acusação é o ataque de forma não-letal a Garous que cumpriam suas obrigações ritualísticas. O acusador será o Andarilho do Asfalto Bit-Coins. Cada um deve falar em sua própria defesa. Líderes tribais podem se manifestar se assim desejarem. Tribos que não possuem liderança tribal não possuem direito a voz enquanto tribo nesse fórum.'

Bit-Coins e os acusados seguem ao centro do Caern. O Garou estava bastante satisfeito com os julgamentos de Temido-Como-Vulcões e não tinha grandes motivações para forçara a mão em um crime que considerava pequeno, especialmente após as punições tribais. Os Garou que cumpriam o Rito, naturalmente, não seriam julgados. O Porta Voz do Caern se manifesta:

'- Tenso sido escolhido para fazer a acusação desses Garous, eu gostaria de começar aqui dizendo que foi um grande erro o que eles cometeram. Um erro que custou a vida de seus irmãos? Não! Mas um erro que ajudou a prejudicar o Renome de toda uma seita e isso pode ter sido muito mais duro que seus socos, chutes ou cotoveladas. Um rito sagrado estava em curso e fora violado por Garous que atacaram irmãos em pleno Caern, desrespeitando a sacralidade do Rito, desafiando a liderança em tempos de guerra, colocando em risco a própria integridade do Caern. Punições precisam duras na Honra desses Garous deve ser implementada. Peço aos juízes que os condenem com bases nos versos da Litania que acabei de citar na qualidade de violadores das Leis de Gaia.'

Temido-Como-Vulcões afirma:

'- Os acusados, quem quiser se manifestar em juízo ou os próprios juízes se quiserem se manifestar podem tomar a palavra. Juízes e Luas Novas das matilhas dos Garous citados também são bem-vindos ao julgamento.'

O primeiro a receber o bastão era o Fenris Cólera-de-Balder que fala:

'- Cólera-de-Balder ser culpado mas golpes de Cólera-de-Balder não ser letais e quase matar Pantaneiro e Grito-de-Guerra cujas cicatrizes deixadas provar força de golpes de Cólera-de-Balder.'

*Ia ter feito um bem para a Seita se tivesse terminado o serviço.* - pensa o Fenris.

O filho passa o osso ao Pai, Ira-de-Thor, que diz:

'- Ira-de-Thor ser culpado e golpes de Ira-de-Thor ser poderosos e letais.'

O osso segue para Glorioso-Punho-de-Odin que apenas fala:

'- Glorioso-Punho-de-Odin ser culpado de crimes que me acusam.'

O osso chega nas mãos do Impuro Garras-do-Falcão-Noturno que fala:

'- Eu ser culpado das acusações a mim feitas e aceitar honradamente minha punição.'

O osso seguia livre para quem quisesse se manifestar.
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Contos-de-Hélios - Sombra-da-Coruja

Mensagem por NarraDiva em 24.04.18 23:06

Contos-de-Hélios mantinha seu olhar fixo na assembleia e apenas comenta com o Ragabash em resposta:

'- Se o assunto é só para ouvido dos Filhos de Coruja, não é sábio abordá-lo no meio de tantos Garous portadores de dons que desconhecemos, não acha?'
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Flagelo da Wyrm - Assembléia

Mensagem por Convidado em 24.04.18 23:46

Crinos


O quinteto volta com os rabos entre as pernas para os seus lugares e agora começava novos julgamentos 4 Fenris sendo julgados entre eles Temido-Como-Vulcões, que abstém de se defender, junto com eles estão 1 Senhor das Sombras e 2 Presas de Prata, e um deles também não se defenderia. Para a acusação é designado Bit-Coin, que não se esforça muito ao falar sobre os crimes.


Após as acusações o Caçador de Verdades permiti que os réus se defendam e todos que se pronunciaram assumiam os seus pecados e aceitavam as penas, apesar de Cólera-de-Balder tentar amenizar seus atos.


*Apenas assuma sua culpa Fenrir, aceite sua punição de forma honrosa e não se acovarde. Você fez o que tinha que ser feito.*


Agora restava apenas o pronunciamento de um dos réus, esperava a mesma atitude honrada apresentada pelos outros, nada mais e nada menos.


Última edição por Flagelo-da-Wyrm em 25.04.18 15:13, editado 1 vez(es)

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Grace(Crinos) - Todos

Mensagem por Convidado em 25.04.18 0:05

Grace apenas dá um risinho com as palavras de Igor. Por mais que houvesse ironia nelas, a Fianna deixa passar, como apenas uma provocação inofensiva. Luke parece se preocupar com o rumo da conversa entre eles e faz uma intervenção, e ela tenta tranquilizar o Alpha.
- Eu concordo. Vamos impedir que a discórdia tenha lugar na nossa Matilha.  
Sorri com tranquilidade.

O acordo formado entre as Tribos parecia poder encaminhar o julgamento para um final pacífico, se não fosse, é claro, pelo intolerante juiz Cria de Fenris. A Fianna evita mostrar reações enquanto ele vai impondo sua pesada pena, e a única alegria que conseguia sentir naquele veredicto era que a sabedoria de seu irmão Sangue dos Quatro Ventos havia sido publicamente reconhecida.

A perda de Bardo Forjador na liderança da Tribo seria profundamente sentida. Não achava que havia alguém entre os Fianna tão competente quanto ele para aquela tarefa, embora pudesse pensar em alguns nomes para substituí-lo. Se pergunta se as outras Tribos estariam em situação semelhante. O saldo político eram quatro líderes tribais destituídos e um provável caos para reorganizar toda a estrutura de poder da Seita que havia se articulado, como o acordo entre os quatro havia demonstrado.

“Isso ajuda a fortalecer ainda mais a liderança de Garras do Trovão, sem líderes Tribais com força e união o bastante para lhe fazer frente.” 
Não sabia dizer se o Philodox considerara aquilo, nem especular se essa renovação tinha alguma chance de dar bons resultados,  mas gerar mais instabildade quando o Apocalipse pedia solidez lhe parecia uma decisão arriscada. O juiz se chamava Temido por que se fazia temer pelos outros, Grace, por sua vez, temia as consequências das escolhas dele, e se atentava à segunda parte de seu nome; “como-Vulcões”. As lavas que saíam de uma erupção destruíam populações de cidades inteiras. Esperava que  não destruíssem a Nação Garou.

O próximo julgamento começa, e Luke estaria entre os réus. Se pegou desejando sorte para ele. Ligava muito pouco para os Fenris, enquanto não estivessem se beneficiando injustamente, e apenas espera o Senhor das Sombras tomar a palavra.


Última edição por Grace Tavares Conney em 25.04.18 0:07, editado 1 vez(es)

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Sussurros Solitários em 25.04.18 0:06

Forma atual: Crinos

Mais uma rodada de julgamentos e agora os Crias de Fenris são julgados pelos seus atos na Caçada e todos se declaram culpados de forma honrada e reconhecendo os seus atos. O Lobo apenas assiste as falas, em especial do seu beta, e espera um veredito.
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Convidado em 25.04.18 0:13

Sereno-trovão assiste a mais uma rodada de julgamentos e pensa na ironia que foi a punição na honra dos garous que aceitaram sua punição, assumindo a culpa de seus atos, sem fugir ou culpar outros por isso: "Esses garous exibem uma grande honra em suas falas."

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Arauto-da-Morte em 25.04.18 0:32

Forma atual - Crinos

Ao escutar as palavras de seu líder Tribal, o Ragabash se da conta de sua burrice, aquelas palavras não eram apenas para os peregrinos, de fato, a intenção de Hadrian era exatamente que a assembleia inteira escutasse.

Bem, ainda estava em tempo de se corrigir.

“-Contos-de-helios, desculpe, fui tolo em minha afirmação, pois, apenas a cautela me fez trazer à você a informação ao invés de expô-la na assembleia - faz uma pequena pausa - devo informar-lhe que, durante o começo da noite de hoje, ao cumprir um compromisso espiritual imposto por legado de Anúbis para com a coruja, fui atrapalhado, e, possivelmente impedido por Mãe-África.”

Faz uma pausa estudando as feições de seu líder tribal.


“-Esta, por sua vez, após afrontas e até mesmo agressões, prometeu que os roedores iniciariam uma dieta baseada em corujas, o que pude constatar hoje se tratar da mais pura verdade.”

Tomando fôlego, conclui.

“-Creio, que o desrespeito aos espíritos e as obrigações espirituais possuem boa parcela de culpa à nos levar à situação que estamos hoje junto ao Boitatá, e, creio que tais desrespeitos aos chiminages, à coruja e à wyld devam ser levadas ao conhecimento dessa assembleia, porém, deixo a informação em suas mãos, me colocando à disposição para testemunhar ante qualquer juiz.

Enquanto esperava a posição de seu líder, nota que os julgamentos são iniciados, e, cólera de balder, não só assume o que fez, como desdenha de dois fiannas.

*Bateu de mão fechada e quase matou os dois, hahahahah*

Por um segundo cogita falar, mas, aquilo apenas iria manchar a visão própria de honra de seu irmão de matilha.


Última edição por Sombra-da-Coruja em 25.04.18 1:10, editado 1 vez(es)
Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Contos-de-Hélios - Sombra-da-Coruja

Mensagem por NarraDiva em 25.04.18 0:59

'- Eu recebi a mesma queixa de Segredos-de-Maat e de Legado-de-Anúbis.'- comenta de forma irritada, o Galliard que, em seguida, prossegue:


'- Os Roedores de Ossos querem uma guerra espiritual conosco e a Seita não parece disposta a intervir, irmão. Eu não vou dizer o que tenho a dizer aqui, eu primeiro falarei com vocês. O Rato é covarde, sujo e inconsequente e se aproveita das fraquezas de momento da Seita...'
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Convidado em 25.04.18 1:08

Forma - Crinos

O Garou escuta o julgamento das tribos, o grande acordo que tinha sido elaborado entre as tribos não é aceito pelo Juiz Fenrir, se tinham querido planejar aquilo, escolheram a pessoa errada, mas as punições pareciam justas para os crimes, quando o Juiz fala em voz alta com sua autoridade, ele realmente devia ser Temido-como-um-Vulcão, pois nem mesmo a si se perdoou pelos erros, era um bom começo, se algo sobrasse, e seu olhar recai novamente na ex-lider da Seita, que seria julgada em breve.

Então segue-se os julgamentos individuais, e os Crias de Fenris assumem plenamente a culpa novamente, ainda deixando claro que tinham um certo orgulho do que fizeram. Olhos de Gaia se mantém atento, não tinha o que dizer naquele momento na assembleia e apenas escuta as conversas de seus colegas, que falavam sobre manter a união, o que era a única coisa sensata a se fazer.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Alek em 25.04.18 1:58

Luke se intrometeu na conversa entre Igor e Grace, fazendo um paralelo sem noção entre a conversa que estavam tendo e a situação da Fortaleza de Gaia, e isso acabou irritando mais o Presas do que a própria conversa com a Fianna. O Senhor das Sombras estava tentando tão sério mostrar seu serviço como alfa, que em certos momentos saía do tom.

Igor não respondeu nada, apenas olhou pra Cordas Trêmulas de volta de forma amistosa e voltou seu olhar para a Clareira, onde o juiz da Seita declararia sua sentença.

Sem meias palavras, Temido-como-Vulcões colocou o plano dos insurgentes abaixo com sua sentença, não poupando nem a si mesmo.

- Aí sim, fomos surpreendidos novamente.

O Presas não conseguia esconder sua surpresa.

"Será que ele sequer calculou o dano que essa sentença pode causar nas políticas da Seita até que as tribos se reorganizem? Claro que não, esse desgraçado é um lunático! Mas é um desgraçado lunático que merece respeito, isso não tem como negar."

Nem mesmo a dura penalização para sua tribo conseguiu diminuir a admiração de Igor sobre a sentença de Temido-como-Vulcões. O Fenris agira com a precisão e a justeza que o jovem cliath jamais vira num juíz antes. Felizmente, o lua crescente era um recém chegado e era, aparentemente, o único Presas de Prata que não fora punido na Seita.

Então, chegara a vez de Legado-do-Trovão ser julgado individualmente.

"Que Temido-como-Vulcões tenha misericórdia das suas pregas." - pensou o Presas.
Alek
Alek

Mensagens : 238
Data de inscrição : 04/04/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Skullhead (Crinos) - Matilha Olhos da Tempestade | Todos

Mensagem por Diogo'Papo-Reto' Moncorvo em 25.04.18 8:03

O segundo julgamento é contra aqueles que haviam participado da insurreição e se utilizado de meios não-letais. Siegfried se afasta da matilha para cumprir o seu julgamento e, assim como todos os outros Fenrir, se considera culpado da acusação. Não era um julgo difícil, afinal não era baseado em nada além do que um fato. Restava a Luke fazer o mesmo, enquanto Bit-coins, representante da acusação esperava para que a pena fosse dada.
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo

Mensagens : 687
Data de inscrição : 02/07/2017
Idade : 24
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Victor Montenegro em 25.04.18 9:30

Victor nem percebia a saída de Hadrian, estava de fato entretido com os julgamentos... principalmente o que se iniciava agora.

BitCoin é chamado para fazer a acusação aos réus e nem se incomodava em esconder sua felicidade com a sentença anterior.

* Esse já se vê com passe livre. *

O filho da Barata começa suas acusações e...

* Nossa, ele não vai nem se esforçar pra fazer o caso. Haha...esse aí já conseguiu tudo o que queria hoje e tá dando de presente uma defesa suave para os acusados. *

Esse era o pensamento de Victor, mas, para sua leve surpresa, Temido como Vulcões, que julgava e era julgado, aceita as acusações sem apresentar defesa e todos os acusados, um a um, seguem a mesma linha.

* Vai entender a cabeça desses lunáticos. BitCoin entregou a defesa de bandeja, qualquer um poderia se defender... agora só resta saber qual deles vai se considerar mais honrado e sábio do que o ancião que aceitou sua acusação e apresentar uma defesa.*

Os olhos de Victor passam por Luke.

* Bom, se trocarmos honrado e sábio, por egocêntrico e burro também pode ser que aconteça.*
Victor Montenegro
Victor Montenegro

Mensagens : 906
Data de inscrição : 28/06/2017
Idade : 33
Localização : Rio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Arauto-da-Morte em 25.04.18 10:27

Forma Atual - Crinos

Ao escutar as palavras de seu líder tribal, uma fúria gélida recai sobre o peregrino, e, mais uma vez, os sentimentos de vingança se inflamam dentro dele.

*Tudo ao seu momento*


"-Estarei a disposição no momento em que precisemos nos reunir."

Desjando manter o mesmo nível de discrição que teve ao vir ter com seu líder tribal, o Peregrino concentra-se um segundo, tornando-se bem mais difícil de ser percebido por olhos curiosos, e, furtivamente, retorna à sua Matilha.

Chegando nesta, ao se colocar ao lado de Sussurros-Solitários, limita-se a dizer.

"-Estou de volta."

OFF: Aqueles que desejarem perceber a movimentação de Hadrian precisam ter 05 sucessos em Prontidão+Percepção com dificuldade 09 .


Última edição por Sombra-da-Coruja em 25.04.18 10:49, editado 1 vez(es)
Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Black-Hat | Fúria-Justa-de-Esteno - Guardiões da Canção Ancestral

Mensagem por NarraDiva em 25.04.18 10:34

As duas seguiam em silêncio observando os rumos do julgamento. Filho-da-Alvorada fala que foram surpreendidos novamente pela postura do Juiz Fenris, Helenna apenas discorda balançando a cabeça negativamente. Ela esperava algo do gênero vindo do segundo Garou tido como mais honrado da Seita, atrás apenas do ancião caçado e refugiado sabe-se-lá-onde.

Helenna participa da Pedra de Escárnio chamando Pantaneiro de tolo, covarde e descontrolado. Black-Hat também participa ofendendo o Fianna taxando-o com assassino e fardo para seu povo.


Última edição por NarraDiva em 25.04.18 10:38, editado 1 vez(es)
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Flor-de-Lótus - Matilha Fortaleza de Gaia

Mensagem por NarraDiva em 25.04.18 10:35

A Portadora da Luz Interior leva sua mão à testa num gesto sutil e comenta baixo com sua matilha:

'- Sinto que temos irmãos a caminho dessa matilha, mas sinto também que eles correm perigo...'
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Espólio-Cyberpunk | Sangue-Sobre-a-Neve - Matilha Sangue Forte de Luna

Mensagem por NarraDiva em 25.04.18 10:36

O Andarilho e a Impura seguiam em silêncio observando a assembleia. Ambos participam do Rito da Pedra do Escárnio quando chega sua vez e questionam com dureza a honra de Pantaneiro.
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Kiba Valentine (Crinos) - Fortaleza de Gaia

Mensagem por Kiba Valentine em 25.04.18 12:16

Kiba assistia a continuidade do julgamento sem grandes manifestações. Estava quase convencido de que tinha tido uma alucinação provavelmente provocada pelo sangue dos Valentine ser forte demais.
 
“As alucinações não vão parar? Será que não? “
 
No meio de seus pensamentos ele é arrastado de volta a realidade com o comentário inesperado de Padme. O Ahroun a encara com um semblante de dúvida e então questiona:
 
- Eles estão aqui? Ou estão vindo de longe...? E principalmente, como sabe disso?
Kiba Valentine
Kiba Valentine

Mensagens : 529
Data de inscrição : 26/06/2017
Idade : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central - Página 22 Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 22 de 40 Anterior  1 ... 12 ... 21, 22, 23 ... 31 ... 40  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum