Clareira Central

Página 1 de 17 1, 2, 3 ... 9 ... 17  Seguinte

Ir em baixo

Clareira Central Empty Clareira Central

Mensagem por NarraDiva em 06.02.19 11:19

Clareira Central Clareira-na-floresta
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Mija-na-Wyrm (C) | Cólera-de-Balder (C) | Flor-de-Lótus (C) - Matilha Olhos da Tempestade | Ex-Matilha Fortaleza de Gaia | Matilha Temporária

Mensagem por NarraDiva em 08.04.19 10:22

Espíritos Presentes: Okan (Valkyria-Negra), Fenris, Wyvern, Touro, Elefante, Urso, Baya-Akko e Demônio da Tasmânia

A caminhada até a Clareira Central do Caern era breve e todos podiam sentir, cada vez mais, a Wyld em uma proporção jamais vista. Era tão forte que àqueles mais próximos da Weaver sentiam incômodo, aqueles que conheciam mais sobre o oculto nunca haviam lidado com algo próximo ao que sentiam. E ao chegarem encontram uma situação inusitada. Flutuando em uma redoma de energia e sangrando lentamente, Cordas-Trêmulas em Crinos. Ela parecia acordada mas não consciente. Ao centro de toda aquela clareira, uma estrutura de pedra parecida com a pedra da Coroa de Fogo (porém bem menos conservada) e com espaço para uma jóia desocupado. Ao centro da estrutura o número VII esculpido na pedra em Algarismos Romanos e, logo abaixo, o glifo de Cura. Parecia ser dali que se emanava toda energia Gaiana. Na Clareira Central do Caern de Guerra havia uma pequena ruína que lembrava a base dessa mesma estrutura encontrada nesse novo Caern.

Com a mão encostada na estrutura, um homem pálido aparentemente bastante tranquilo. Em sua mão, uma espécie de cetro, todo feito em prata onde na ponta de cima havia uma jóia, a mesma que Equilíbrio-da-Vida usava, e na outra parecia formar uma afiada e potente lâmina.

Hadrian é o primeiro a avistar, mas não tem tempo de parar o Lobo Fenris que ansiava pelo combate. O Totem salta para devorar a criatura e parece que vai matá-lo com um único golpe, mas a jóia brilha e toda essência de Fenris é absorvida pela criatura que sorri e apenas diz:

'- Agora sua força é minha... quem quer ser o próximo?'

O mago olha na direção de Hadrian. O grupo ainda se aproximava e não tinha visto nada disso, apenas o Peregrino havia presenciado a cena. A última das linhas das falanges, no entanto, sentia-se estranha. Uma voz na mente de Bjorn, de Dione e de Papo-Reto falava para o trio:

'- Matem o Lobo, impeçam o Ritual!'

Sussurros-Solitários sentia que estava bem perto do local onde devia fazer o Ritual para ele ser totalmente efetivo. O lobo não sabia, mas era exatamente na pedra onde o inimigo estava apoiado.

Clareira Central Latest?cb=20180517195103



Like a Star @ heaven Batuque-de-Thor, Sussurro-de-Sekhmet e Papo-Reto precisam gastar 1 de Força de Vontade e obter 3 sucessos em um teste de Força de Vontade para não seguirem às ordens em sua mente. O teste deverá ser repetido a cada turno em que a voz falar em suas mentes.


=== Formação com a qual a matilha chega na Clareira Central ===


Fenris à Frente.



Victor, Kalf, Ian e Siegfried formavam a segunda linha. Siegfried mantinha-se em posição central com o Touro ao sue lado direito e Ian ao seu lado esquerdo. Kalf ocupava a extrema esquerda enquanto Victor era a extrema direita do grupo.



O Wyvern voa nos céus bem acima de Alef, que fica na extrema esquerda da segunda falange. Flor-de-Lótus tinha posição central, com a Theurge Fenris ao seu lado e Okan ao lado da mesma. Sussurros-Solitários vinha em seguida, com Papo-Reto, Dione e Bjorn compondo a linha de retaguarda. Mija-na-Wyrm, Hadrian, Iani e Romina tinham liberdade para se movimentar.


Última edição por NarraDiva em 08.04.19 15:26, editado 1 vez(es)
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Ossos-de-Carvalho em 08.04.19 11:48

O Ragabash era direto e impiedoso em suas explanações, Ian entendia, aquele não era o momento de se preocupar em entender alguma coisa, achar lógica ou até mesmo se preocupar.

* Mas tinha que ser logo fantasma? * 

Ossos-de-Carvalho olha a formação, muda sua forma para a forma de batalha e se posiciona sabendo o que deveria fazer.

* Que Gaia mude minha sorte e me permita a vitória ao invés da vergonha dessa vez, ou pelo menos uma morte honrada. *

Olha em volta novamente e vê os espíritos a sua volta..

* Por que fantasmas? por que? *
Ossos-de-Carvalho
Ossos-de-Carvalho

Mensagens : 306
Data de inscrição : 08/03/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Dione Zalika em 08.04.19 16:02

FORMA ATUAL: CRINOS

Seguindo em formação, Dione ouve uma voz em sua mente.

'- Matem o Lobo, impeçam o Ritual!'

Ela para sua marcha.

"- Eu não lhe obedeço, maldito, você não manda em mim!" ela responde a voz ainda olhando para a frente, e busca olhar para Victor.

"Há alguém que me manda atacar o lobo e impedir o ritual." ela fala e olha para Batuque-de-Thor e Papo-Reto. Atenta para ver se qualquer um deles faz algo que seja desobedecer às ordens anteriores.

É a vida de Sussurros-Solitários que deve ser mantida até a realização do ritual e ela pretende garantir isso, nem que tenha de ser o próprio escudo do Uktena.

-------------------------------------------------------------------
OFF
Gasto 1 de FV
3 sucessos no teste para resistir a ordem dada pelo mago
Dione Zalika
Dione Zalika

Mensagens : 104
Data de inscrição : 24/02/2019
Idade : 36
Localização : Fortaleza-CE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Arauto-da-Morte em 08.04.19 19:09

Forma Atual - Crinos
Fetiches ativos - Jambya e Bracelete de Nyx
Dons Ativos - Velocidade do Pensamento

A energia da Wyld era palpável, e, muitas vezes maior do que o pulso emitido pela pequena Lyra..

*Calma garota.. *

.. A visão de cordas trêmulas sangrando e flutuando faz a pequena gritar em sua mente..

"-CALMA GAROTA.."

*Preciso pensar Lyra..*

A visão da estrutura que em muito lembrava a coroa de fogo intrigava o Ragabash, ela era evidentemente mais antiga e, diferente da outra, havia apenas espaço para uma joia..

*Sete?*

O inimigo demonstrava a mesma calma enervante do maldito chinês, porém, este parecia mais arrogante do que tranquilo..

*Talvez seja por aquele cacete de prata com a joia de cabeça..*


Antes que pudesse fazer qualquer coisa, o grande Fenrir investe contra o mago, e..

*COMO?*

Todos os sentidos do Ragabash, caso fosse possível, entram em alerta máximo, isso, aliado a fúria constante do Peregrino e aos gritos histéricos de Lyra eram QUASE o suficiente para que ele perdesse as estribeiras, mas, o que faz ele de fato romper o controle, era o debochado olhar do filho da puta..

"-Silencio por favor querida, ele vai morrer logo" - Hadrian finalmente encara o mago e uiva a plenos pulmões - ".. AVANCEM E MATEM, ACHAMOS A FIANNA, AZAROTH PORTA UM CETRO DE PRATA E UMA JOIA, MANTENHAM OS TOTENS A SALVO, ELE ABSORVE OS ESPÍRITOS, FENRIR CAIU, VINGUEM NOSSOS IRMÃOS!!!!"

Hadrian havia atraído indubitavelmente a atenção para si e se punha em posição defensiva, ele esperaria os outros garous, pois, por mais que desejasse sangrar o desgraçado, ele tinha outra coisa em mente...
Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Sussurros Solitários em 08.04.19 20:07

Forma atual: Crinos
Fetiche Ativo: Armadura de Pontas de Flecha - 3 sucessos, Cajado Místico

O Uktena segue com o grupo até chegar numa clareira. Uma enorme energia da Wyld era sentida ali, algo inexplicável, um poder jamais sentido antes pelo lupino. No centro da Clareira uma esfera de energia flutuava no ar com Cordas-Trêmulas em seu centro. 

Uma ruína com um símbolo escrito e um lugar para uma das jóias da coroa também se encontrava no local e uma figura estranha e sombria estava em cima de uma pedra portando um cetro de prata com uma jóia no meio. O Cetro parecia familiar e um mistério estava explicado para o Uktena:

*O Cetro de Eva! Então foi Equilíbrio da Vida que o roubou! Mas o cetro está diferente... Deve ser assim que ele consegue usar a jóia sem se ferir!*

A Peregrina Silenciosa de repente grita sobre a ameaça de estarem sendo controlados com ordens para impedir o ritual de libertação do Caern. 

Em seguida o Uivo de Alerta do Peregrino ecoa. 

*Mais um que absorve espíritos. Parece ser um poder comum aos magos desse grupo. Eva e a Criança Bruxa deviam fazer parte dessa cabala também*

Com um movimento rápido o lupino faz surgir seu cajado fetiche em sua mão e se harmoniza com ele enquanto toma um passo em direção a Flor-de-Lótus. 

*A mente de uma meia-lua filha da Quimera com toda certeza é mais protegida! E ela também pode deter qualquer um deles. O Ritual deve acontecer!*

O Uktena fala alto para que Sentinela-das-Sombras escute:

"- Ele está com o cetro de Eva!"


O Lupino esperaria sua oportunidade para poder executar o ritual.
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Victor Montenegro em 08.04.19 23:06

* Puta que me pariu; aí é de cair o cu da bunda.*

A pequena tropa se aproximava do centro de poder daquele Caern e a emanação de energia gaiana era estarrecedora, mas antes de chegarem à clareira, Dione avisa que o inimigo está tentando dominar sua mente.

Antes que Victor pudesse comentar algo sonre o fato, este é interrompido pelo uivo de Hadrian informando do inimigo e da queda de Fenris.

* O que me falta acontecer agora?*

Sem perder tempo e mesmo antes de adentraram ao palco do combate final, o meia lua inicia os comandos:

'- Se alguém for dominado derrubem sem pena. O ritual deve acontecer!'

Ele então se põe a falar na linguagem dos espíritos:

'- Nobres totens e espírito guardião o inimigo é capaz de absorve-los. Ataquem a distância ou fortaleçam seu filhos, mas não entrem em combate direto com o portador da jóia.

Victor troca um olhar rápido com Siegfried e diz já apressando o passo:

'- Ahrouns comigo na dianteira. Nós seremos a primeira linha. Nossos totens nos darão cobertura! Siegfried, neutralize o cetro do feiticeiro, mas não o derrube no chão. Vamos acabar salvar essa maldita Fianna e acabar com o feiticeiro.'

Apressando o passo e instando os seus a fazerem o mesmo, sentinela das sombras adentra a magnífica clareira.

Ao centro dela o malfadado feiticeiro se recostava em uma base de pedra que possuía um slot de jóia e lembrava, parcamente, a estrutura de pedra que havia na clareira da coroa de fogo.

Em sua mão, um cetro prateado com uma das jóias da coroa em sua ponta e, próximo a si, a progenitora do apocalipse flutuava suspensa em uma esfera de energia.

* Filho da Puta...*

O lupino avisa que aquele era o cetro de Eva.

* Ah... então era isso que faltava acontecer.*

O Senhor das Sombras se avançava para a batalha eminente.


Última edição por Victor Montenegro em 09.04.19 11:31, editado 1 vez(es)
Victor Montenegro
Victor Montenegro

Mensagens : 906
Data de inscrição : 28/06/2017
Idade : 33
Localização : Rio

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por romina_ em 09.04.19 0:55

Frustrada, totalmente frustrada era o que estava se sentindo ali, porque diabos sua mãe havia lhe mandando para ir cara um Caern que as pessoas adoravam jogar ordens e mais ordens sem conhecer nenhum dos membros ali? Sinceramente não conseguia compreender os desígnios da Justiça de Atena, quando tudo isso acabar ela iria certamente ter uma conversa com sua mãe porque aquilo era demais para sua cabeça, e naquele momento notou que seu comportamento solitário tinha uma grande justificativa.

Não questionava as ordens do novo líder ia facilmente para sua forma de batalha fazendo exatamente como o ordenado, não iria questionar e também não iria falar porque parece que suas palavras eram totalmente ignoradas pela alfa antes, que dirá pelo novo líder, deixaria a merda ocorrer toda e não teceria nenhum comentário naquele momento.

Seguia com os demais ao lado de sua irmã de matilha matutando o que encontraria ali. Quando se aproximava do local sentia a forte energia que se assustava devido a intensidade da mesma.

*- O que ta acontecendo...?*

Permanecia calada observando tudo ao seu redor ficando atenta a possíveis ataques. Escutava o que os outros lobos falavam e não entendia muito bem o que eles diziam, talvez fossem fetiches, era o que ela conseguia associar naquele momento. Escutava que o totem de sua matilha havia sido absorvido e que alguém estava tentando controlar Dione

*- Por Gaia será que esse dia não vai nunca terminar?*

Corria para onde sua alfa estava, mesmo o senhor das sombras estando no comando esperaria a ordem dela para agir.

- Alfa vou ficar invisível e tentar desarmar ele.


_____________________________________________________________________________________________
Romina | Caçadora Lunar | Ragabashi | Fúria Negra | Cliath | Lupina
Carisma 2
Aparência 4
Fúria 4
Idade: 22
Excesso de confiança
Baixa estatura


romina_
romina_

Mensagens : 73
Data de inscrição : 27/02/2019

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Ira-de-Thor (C) | Fúria-Justa-de-Esteno (C) | Temido-Como-Vulcões (C) | Fênix-de-Prata (H) - Olhos-da-Tempstade | Matilha Temporária | Ex-Fortaleza-de-Gaia | #Team Ira de Thor

Mensagem por NarraDiva em 09.04.19 10:41

Os gritos do Uirapuru podem ser ouvidos de longe e denunciavam o grupo que se aproximava por um caminho diferente do caminho onde estavam o grupo liderado por Sentinela-das-Sombras. No entanto, os gritos do pássaro recém-desperto podiam ser escutados por toda a clareira e suas adjacências.

O Uirapuru tenta voar, mas sem forças cai no chão e sua essência parecia ir em direção à Clareira onde, agora, todos podiam ver que era absorvida por um homem que estava de frente para si. E a situação que todos enxergam é assustadora.

Flutuando em uma redoma de energia e sangrando lentamente, Cordas-Trêmulas em Crinos. Ela parecia acordada mas não consciente. Ao centro de toda aquela clareira, uma estrutura de pedra parecida com a pedra da Coroa de Fogo (porém bem menos conservada) e com espaço para uma jóia desocupado. Ao centro da estrutura o número VII esculpido na pedra em Algarismos Romanos e, logo abaixo, o glifo de Cura. Parecia ser dali que se emanava toda energia Gaiana. Na Clareira Central do Caern de Guerra havia uma pequena ruína que lembrava a base dessa mesma estrutura encontrada nesse novo Caern.

Com a mão encostada na estrutura, um homem pálido aparentemente bastante tranquilo. Em sua mão, uma espécie de cetro, todo feito em prata onde na ponta de cima havia uma jóia, a mesma que Equilíbrio-da-Vida usava, e na outra parecia formar uma afiada e potente lâmina.

O primeiro impulso de Ira-de-Thor é o de partir para atacar, mas Temido-como-Vulcões o segura pelo ombro:

'- Precisamos de um plano, seja o que for que estão fazendo com aquela maldita Fianna, precisa ser contido.'

Fênix-de-Prata se aproxima do Uirapuru e com o pouco que ainda tem de energia parece aliviar um pouco a dor do Espírito. O Theurge fala para todos:

'- O Ritual não pode ser concluído.'

Ira-de-Thor então diz:

'- Eu, Fúria-Justa-de-Esteno e Temido-Como-Vulcões iremos atacar o inimigo. Fênix-de-Prata cuida do espírito doente e fica com a função de curar os feridos no campo de batalha sem se expor demais. Todos os demais, resgatem a Fianna. Alguma dúvida?'

Importante frisar que os grupos não se enxergam ainda, só enxergam o que acontece na Clareira Central.

Clareira Central Latest?cb=20180517195103
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Kalf - FDG

Mensagem por Kalf em 09.04.19 10:56

Forma atual - Crinos 
Fetiche ativado - Presa do Elefante
Dons ativados:
Vigor de Urso 
Residência a Dor


Todos em formação, prontos para atacar o inimigo, mas como Kalf já aprendeu a duras penas essa noite, nada é tão fácil por aqui, como aparenta. 

" Qual será a surpresa que esse ai nos reserva ? " 


Ao ouvir a convocação de Victor para o combate, ele segue com seu grupo. Chegou a hora de acabar com essa palhaçada e colocar esses malditos magos em seus devidos lugares.
Kalf
Kalf

Mensagens : 111
Data de inscrição : 09/03/2019
Idade : 21

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Diogo'Papo-Reto' Moncorvo em 09.04.19 12:59

Forma atual: Crinos.
Interações: Papo-Reto - Todos.


O grupo avançava em formação. Papo-Reto, em sua posição, obviamente pouco via o que acontecia mais adiante… mas ele escutava! Não sabia de onde, mas uma maldita voz sussurra em seus ouvidos. Sussurrava coisas abomináveis. Matar seu próprio Alfa? Aquilo era demais! Ele não deveria, não poderia…

O corpo do Roedor de Ossos se retesa e ele rosna, tentando expulsar aquele sentimento que brotava em metástase em seu coração.

*NOT TODAY, SATAN… NOT TODAY*

As palavras da companheira de ataque ao seu lado, indicavam que aquilo acontecia com mais alguém. Ele não era o único. Entre os rosnados, ele grune:

‘- Esse maldito... filho de uma quenga arrombada... também quer se enfiar na minha cabeça.’

A força do Rato, entretanto, é um pouco mais resistente e dissipa por um instante aquelas ordens da mente do Galliard. Ele sente sua força de vontade se esvair naquela tentativa insana de não sucumbir às ordens… preferia cair sem forças do que permitir que aquilo ocorresse.

O uivo de Hadrian o traz de volta a si. O inimigo estava adiante. Victor reportava as ordens e marchava na direção do inimigo. Apesar das dor de cabeça que brotava diante do esforço, Diogo mantinha sua posição e avançava com os seus, não deixando o seu posto.

OFFGAME: 1 de FdV. 3 sucessos no teste.
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo
Diogo'Papo-Reto' Moncorvo

Mensagens : 687
Data de inscrição : 02/07/2017
Idade : 24
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Magdalena em 09.04.19 15:57

Quanto poder emanava daquele local! Magdalena nunca havia sentido algo tão forte. A Wyld emanava ali uma energia que crescia a cada passo em direção à Clareira Central.
Seguiam todos a formação guiados pelo Totem do Grande Lobo, e a cada passo Garou, a Theurge tinha a impressão de conseguir sentir o pulsar de cada coração, quando notou que não eram os corações ou os passos. Era a energia Gaiana que emanava do centro da Clareira.

Fenris ia adiante indicando o caminho acompanhado de perto por Arauto da Morte como batedor. Mas antes de qualquer notícia do Ragabash, Valkyria Negra sente um desconforto no seu espírito, não fazia ideia o que causara, mas descobriria em seguida.
Hadrian uiva a plenos pulmões que a Fianna estava adiante, Azaroth portava um cetro de prata com uma das jóias que absorve os...
o coração de Magdalena gela por um instante.

*Fenris caiu!*

Em seguida, escuta atrás de si a voz de Dione e Papo Reto. O maldito Mago tentara controlar suas mentes para atacar Sussurros Solitários. Seu coração esquenta novamente com o sangue que fervilhava dentro das veias!

*Vinguem nossos irmãos!* encerrou o uivo.

O Senhor das Sombras seguiu com a ordem para os Ahrouns avançarem e atacarem o Mago, que por seu poder de absorvê-los não deveria enfrentar diretamente os Totens. Fenris havia caído, mas os outros permaneceriam com os Garous.

Valkyria Negra respira um tanto mais fundo e se concentra no que está acontecendo em volta. O vento passando nas folhas, o vibrar do avanço nas passadas, a energia que emanava.... Não era apenas energia Gaiana ali! Os pelos de sua nuca eriçam, ela olha em volta e percebe que todo o ambiente daquela área estava sob o controle do Mago filho da puta! Estava na grama, no ar, nas arvores! Não só elas, mas em suas copas, criaturas humanoides espreitavam e todo o grupo estava cercado. Eram muitos!

*Maldito seja, Mago!!!*

A medida que avançavam, ao avistar o Mago, percebeu uma criatura invisível ao lado dele. Um Garou macho em Crinos. Tudo ali estava sob o controle do Maldito, e a própria voz dele chegava até as ultimas falanges de ataque, o que não favorecia nenhum plano mais discreto.

*Ele sabe de nós. Sabe do Ritual. Sabe de Sussurros. Que todos saibam da sua emboscada, seu filho da puta!*

Romina se aproxima e fala em desarmar o Mago.

"Não! Precisamos de você aqui!" Fala de forma curta e ríspida.

E uiva o mais alto que seus pulmões permitem:

"HÁ UM GAROU INVISÍVEL AO LADO DO MAGO! MUITOS INIMIGOS NAS COPAS DAS ÁRVORES, ESTAMOS CERCADOS! A MAGIA DO MALDITO SE ESTENDE POR TODA A ÁREA, TOMEM CUIDADO E SE PREPAREM PARA O ATAQUE!"


Se aproxima de Sussurros Solitários e diz:

"Ache o local propício para o Ritual! Lhe daremos cobertura!"

A Theurge rosna e se prepara. Fenris seria vingado! O Grande Lobo não caiu em vão, sua força estava em seu sangue, o sangue de sua tribo. De lá, eles salvarão a Fianna, e daqui, o Ritual do Uktena não irá parar!

OFF GAME:
Dom Senso de Batalha ativado
Magdalena
Magdalena

Mensagens : 86
Data de inscrição : 24/02/2019
Idade : 36
Localização : Fortaleza

http://blendafurtado.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por IaraPitangi em 09.04.19 17:47

Iara segue todos aqueles garous para resgatar e purificar o caern. O dia nem passou e tanta coisa já aconteceu. A cada passo a energia da Wyld crescia, Iara sentia aquele pulsar de uma maneira nunca antes experimentada.

Mal chegando à clareira várias coisas são vistas e acontecem: Cordas-Trêmulas suspensa em crinos, um mago muito branco portando um cetro, Fenris sendo absorvido pelo cetro, tentativa de controle mental, os ahrouns se preparando para entrar na linha de frente, Valkyria Negra informando que inimigos estão a espreita nas copas.

Iara não fala nada. Coloca-se para proteger Sussurros-Solitários de algum ataque que possa atingi-lo vindo de cima.

*Ele precisa fazer o ritual, ele não pode cair!*
IaraPitangi
IaraPitangi

Mensagens : 108
Data de inscrição : 28/02/2019

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Alek em 09.04.19 22:09

Os silvos de agonia do Uirapuru deixaram o Presas extremamente inquieto. Seu olhar buscou o de Fênix-de-Prata por inúmeras vezes, na esperança de que o athro soubesse o que fazer para remediar a dor do pássaro, mas em vão. Até o momento em que o espírito do totem abandonou o ombro de Igor e tentou voar, mas caiu no chão, totalmente sem forças. 

Filho-da-Alvorada se apressou em partir em socorro do pequeno Uirapuru, até que percebeu a direção do airth. Um pouco mais adiante, uma cena digna de uma ficção científica se desenrolava, onde um homem pálido absorvia a essência do totem de sua matilha e, ao seu lado, Grace flutuava como um autômato, envolta a uma esfera de energia.

- Cordas-Trêmulas! - o Presas exclamou, num tom baixo que parecia um rosnado, com surpresa em ver a traidora de sua matilha e do caern ali.

Igor viu Ira-de-Thor ser contido por Temido-como-Vulcões, e ficou satisfeito que o filodox tenha colocado a cabeça no lugar e parado para pensar. 

Entregou, então, o Uirapuru aos cuidados de Adock.

- Por favor, Fênix-de-Prata. - disse, num tom suplicante, e o Mestre de Rituais certamente já sabia o que o jovem theurge queria dizer.

Ouvindo as orientações do alfa, quando perguntou se alguém tinha dúvidas, decidiu se pronunciar.

- Algum te vocês tem alguma ideia do que... - disse, apontando o focinho para a redoma ao entorno de sua ex-companheira de matilha, quando foi interrompido pelo uivo de Valkyria-Negra.
Diante do alerta, Igor redobrou a atenção e olhou para as copas das árvores, tentando localizar os inimigos anunciados.
Alek
Alek

Mensagens : 238
Data de inscrição : 04/04/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Liam - Team Ira-De-Thor

Mensagem por Liam (Desafia-o-Destino) em 10.04.19 4:17

O Uirapuru parecia sentir dor, e seus gritos ecoavam por todos os lados, era triste ver uma criatura como ele, sofrendo daquela maneira.

* Oque é isso? Oque esta acontecendo com ele? *

O Fianna pensou e logo sua pergunta foi respondida, quando o pássaro tentou voar do ombro de Igor e caiu, este tentou o ajudar mas em vão, Liam sentiu uma pontada de tristeza ao presenciar aquilo. Um homem no centro da clareira parecia drenar a energia do pássaro e isso nem era o pior, havia uma garou em forma de crinos flutuando enquanto sangrava, era assombroso.

*Uma Fianna? Mas oque...? Estão a usando para algum tipo de ritual.*

Liam não fazia a mínima ideia de quem ela poderia ser, porém a julgar pela reação dos outros principalmente as de Igor, pareciam conhece-la. Ira-de-Thor logo dá as ordens ao grupo, e as de Liam eram que ele resgatasse a Fianna junto com outros. O Galliard se posiciona esperando o comando de Ira-de-Thor, para que pudessem ir.
Liam (Desafia-o-Destino)
Liam (Desafia-o-Destino)

Mensagens : 75
Data de inscrição : 10/01/2019

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Bjorn, o batuque de Thor em 10.04.19 11:02

CRINOS
MARCA DO fENRIR (ATIVO)
RESISTÊNCIA A DOR (ATIVO)
GOLPE PODEROSO (ATIVO)

Batuque de Thor estava preparado para dar sua vida pela seita. 

*Não vou me deixar dominar.*

Olha para os outros dois que estavam perto de Sussurros e percebe que o mago havia tentado entrar em suas mentes.

-Ouviram Sentinela das sombras. Quem for controlado deve ser contido. Então vamos ficar a uma distancia que dê proteção para o lobo e ao mesmo tempo dê para tentar impedir quem for fraco, assim dando tempo de reagirmos antes do lobo levar um ataque dos aliados. - tentava criar uma estrategia para caso alguns dos companheiros fosse dominado

Então uma outra matilha chega e uma negra fala que estão cercados. Batuque de Thor tenta achar inimigos antes de ser surpreendido.  A raiva aguça sua mente e ele a usa para aumentar o poder de seus golpes retesando todos seus músculos para reagir com golpes mais poderosos e não mortais caso Papo Reto e Dione tentasse atacar o Lobo. 


--------------------------------------------------------
Off: Gasto 1 de fúria para ativar o dom ataque poderoso
Bjorn, o batuque de Thor
Bjorn, o batuque de Thor

Mensagens : 155
Data de inscrição : 03/12/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Gabriel Villas Boas em 10.04.19 11:50

FORMA: CRINOS 
DONS ATIVOS: RESISTÊNCIA A DOR.
ANCESTRAIS: +2 BRIGA

Ao se aproximarem da Clareira, o uivo do Peregrino. O inimigo não só portava uma arma de prata, bem como uma das jóias e acabara de sugar a essência do Fenris - apenas isso. Seu poder era tamanho que ainda estava a tentar controlar membros a sua volta. 

* Cetro de Eva? *

Indaga Gabriel em sua mente. Victor dá as ordens, mas não muda sua ordens para ele. O Filho de Gaia olha para cima, para as copas das árvores. Pensaria numa forma de subir até elas e assim, de alguma forma, valer-se para chegar até Grace. Os planos de Gabriel, por outro lado, vão por água a baixo quando a Cria de Fenris negra alerta - há inimigos nas copas e um Garou invisível ao lado do inimigo.

* Se já não fosse pouco... Droga.*

O Uirapuru se faz presente na clareira. A outra matilha estava perto. O pássaro, no entanto, tem também sua essência devorada pelo inimigo, em uma cena visual por demais. O inimigo, com certeza, estava se preparando. Era preciso fazer o mesmo. Sem perder atenção, Gabriel se concentra, inspira e ora por iluminação aos seus ancestrais. Ao exalar, sentia-se abençoado por eles.
Gabriel Villas Boas
Gabriel Villas Boas

Mensagens : 264
Data de inscrição : 25/05/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Garras-do-Trovão (C) | Black-Hat (C) | Uivo-Voraz (C) | Trovão-Inquisidor (C) | Presença-Sombria (C) | Duas-Caras (C) - Anda-com-Espíritos | Shader | Legado-do-Trovão

Mensagem por NarraDiva em 10.04.19 16:57

Espíritos Presentes: Exú, Typhon, Naurú e Noct (noite)


'- Todos sabem o que fazer. Estão prontos? Não podemos perder tempo!'

Presença-Sombria observa a situação e diz:

'- Tomem cuidado com a redoma, não a toquem diretamente.'

Os espíritos começam a ter suas energias drenadas em direção à Clareira Central. Exú e Naurú pareciam os mais afetados e demonstravam enfraquecimento acelerado com esse processo. Duas-Caras simplesmente desaparece diante de todos, sendo seguido em seu gesto por Black-Hat. David olha para Shader e fala:

'- Faça com os outros Ragabash e nos surpreenda garoto.'

Olha para Luke e Papo-Reto e fala:

'- Nós três na linha de frente. Chegou a hora...'

O grupo ia avançar.
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Batalha Final - Parte I

Mensagem por NarraDiva em 10.04.19 23:33

Espíritos Presentes: Baya-Akko, Demônio da Tazmânia, Elefante, Esteno, Exú, Naurú, Noct, Okan, Touro, Typhon, Uirapuru, Wyvern


Os fantasmas eram um tormento para Ian. Parecia que riam dele e o acompanhavam por onde ia. Olhavam e repetiam para ele que ele ia morrer e que logo seria um deles. Repetiam milhares de vezes. E gargalhavam. E vigiavam. A sensação para o Fianna era a pior possível e ele ia ter que ter muita concentração para conseguir avançar nessa batalha.

Hadrian era o primeiro a se revelar ao mago. Bradava aos quatro ventos palavras de ordem, mas não ganha menos do que o desprezo do inimigo. Quem reagia ao Filho da Coruja era o inimigo invisível, cuja voz começava a se projetar dentro da mente de Hadiran, de uma maneira conhecida, que forçava o Peregrino Silencioso a agir conforme a história contada:

(mental)‘- Entretanto, ao chegar na Clareira Central, Hadrian percebe que Azaroth não era seu inimigo. Ele era o responsável por manter aquele local vivo e a ele, todos deviam sau lealdade. Para provar sua lealdade, Arauto-da-Morte decide que sacrificaria o líder de sua matilha em honra àquele que salvara aquela terra sagrada.’

O Peregrino podia sentir ódio de si mesmo e do mundo. Sabia o quanto era errado o que ia fazer, mas sentia que seu corpo agia por si e agia conforme as palavras em sua mente. Era a segunda vez que aquele maldito dom lhe afetava.

Victor fala com os espíritos, ordena que eles fiquem, mas o Wyvern de Guardião-Ancestral responde e, enquanto ele fala, todos pareciam concordar:

‘- Grande batalha ser. Fênix chamar. Todos nós lutar ao lado daqueles a quem nós escolher abençoar ou se aliar.’

O Elefante se posiciona exatamente ao lado do Senhor das Sombras, que tinha sua bênção naquele momento.

Nessa hora cada totem olha para seus abençoados. O Urso troca olhares com o que sobrou da Fortaleza de Gaia. O Elefante busca cada um dos membros da Olhos da Tempestade com seu olhar. Cada totem pessoal se aproxima de seu abençoado mais uma vez enquanto Okan troca um olhar cúmplice com Valkyria-Negra. Um olhar que tinha em sua essência a chama da batalha.

Siegfried sobe no touro, e nele parte com sua lança em punho mais à frente do grupo. Tinha uma missão não das mais simples, inutilizar o cajado sem deixá-lo tocar no chão. No momento em que o Fenris avançava em seu totem, duas criaturas de 2m de altura, cobertas  por um pêlo curto e cinza saltam do ar derrubando o Fenris de cima do espírito e separando-os.

As criaturas eram humanóides, com duas pernas parecidas com as de um humano. Elas se moviam arrastando os pés e possuíam longas asas no lugar dos braços, com aproximadamente 1,5m de extensão. Elas não possuem cabeça, pois seus olhos e boca ficam no topo de seu tronco. Eram largos, do tamanho de uma bola de beisebol, e brilhavam em vermelho escuro. Na ponta de cada asa, mãos com curtas garras pareciam perigosas armas. A enorme boca no tronco parecia reter alguma energia dentro de si.

Siegfried com sua lança acerta a criatura bem no meio, perfurando a mesma e a jogando longe em seguida, partindo para a direção do mago. Se tivesse Fúria, poderia ser mais rápido, mas toda ela tinha se esgotado nos combates anteriores.

‘- Touro, me dê sua Fúria’ - brada o Fenris enquanto o Touro dilacerava com seus chifres o Homem-Mariposa que o havia atacado. O totem tenta, então, enviar Fúria ao Fenris mas toda a Fúria que ia ser transferida é visualizada por todos indo em direção ao corpo de Azaroth que fica com os olhos vermelhos nesse momento.

O Touro emite um grunhido de dor.

Siegfried, enfurecido parte ainda com mais velocidade.

Alef imediatamente toma a iniciativa de se aproximar do Lupino quando da tentativa de controle da mente do mesmo. Ele e Flor-de-Lótus compunham-se como uma guarda pessoal de Sussurros-Solitários. O Presas de Prata informa ao lupino:

‘- Eu serei seu escudo. O que falta para começar o Ritual?’

O Presas de Prata sabia de sua resistência à controles mentais, e ficava atendo aos movimentos dos próprios companheiros. Dione, Diogo e Bjorn, por sua vez, continuavam ouvindo a voz que lhes ordenava a matar o lobo. Era cada vez mais difícil resistir.

(mental) ‘- Mate o lobo, impeça o Ritual.’ - repetia a voz na mente do trio.

Flor-de-Lótus também mantinha-se em guarda, com Baya-Akko do seu lado. O foco da Philodox estava no Fenris que era de sua matilha, Bjorn. Baya-Akko estava fisicamente mais próximo do Lupino que sentia uma enorme energia espiritual vindo do totem da Adren. Não parecia um totem qualquer. Ira-de-Thor não se sensibiliza com ataques aéreos e, diante de ninguém ter colocado nenhuma questão objetiva, ordena:

‘- Todos sabem o que devem fazer! Fúria-Justa-de-Esteno e Temido-Como-Vulcões, comigo.’

E parte. O grupo de Legado-Prateado, Filho-da-Alvorada e Desafia-o-Destino tinha consigo a missão difícil de salvar Cordas-Trêmulas. Fênix-de-Prata parecia transferir alguma energia ao Uirapuru que aos poucos se recompunha e fala com Igor:

‘- Cuidado com aquela energia, não sei o que é, mas com certeza é bem perigoso.’

Ira-de-Thor, Temido-Como-Vulcões e Fúria-Justa-de-Esteno avançam. A Fúria Negra saca sua foice e seu martelo mas é atacada por um homem-mariposa que cai da árvore em cima de si e a faz rolar no chão. Em Fúria, que os Fenris não tinham mais para gastar, Helenna se levanta rapidamente e com a foice parte a criatura ao meio sem hesitar, num golpe único. Esteno, totem de Helenna, seguia logo atrás e também é atacada por dois Homens-Mariposa. A Górgona apenas transforma as duas criaturas em pedra com o brilho dos olhos das serpentes que habitavam sua cabeça.

Temido-Como-Vulcões é atacado por um Homem-Mariposa que começa a lhe morder caindo em suas costas, o Fenris apenas pega a criatura com uma das mãos e, ainda correndo, separa seu corpo em dois como se fosse um pedaço de papel. Ira-de-Thor arremessando seu martelo e sem deixar de correr até o alvo, faz cair morto o homem-mariposa que pensava em tentar lhe atacar.

David é o primeiro a avançar de seu grupo. Revelava-se assim uma terceira linha de ataque. Ao seu lado, Uivo-Voraz, dos Roedores de Ossos. O Senhor das Sombras é atacado por um homem mariposa, mas com suas garras dilacera o inimigo sem ser tocado e segue em frente, igualmente sem Fúria. Uivo-Voraz, que ainda tinha alguma Fúria, avançava mais rápido mas o chão aos seus pés se transforma em uma estrutura pastosa onde o Roedor escorrega, cai e começa a ser absorvido aos gritos desesperados de dor.

Presença-Sombria e Trovão-Inquisidor ficam junto com Anda-Com-Espíritos (e os espíritos) enquanto os Ragabashs do grupo desapareciam. O Theurge pergunta para Nate:

‘- Noct pode nos ocultar para chegarmos perto da redoma?’

Trovão-Inquisidor também esperava pela resposta e pela ação do Theurge. Typhon e Noct pareciam ansiosos para batalha mas aguardavam orientações de Nate, Exú mantinha serenidade e observava o campo de batalha.

Mija-na-Wyrm e Demônio da Tasmânia não eram vistos por ninguém. O Urso cura os ferimentos de Bjorn, ainda ferido da batalha anterior. Enquanto o Wyvern começa a atacar os Homens-Mariposas nas copas das árvores.


Like a Star @ heaven Devido às visões de Fantasmas, Ossos-de-Carvalho tem dificuldade +1 em todas as ações. Testes de percepção serão feitos com dificuldade +2.
Like a Star @ heaven Nos próximos 3 turnos, Arauto-da-Morte está sob o efeito do Teatro das Sombras e suas ações se basearão na história que lhe é contada em sua mente, fazendo exatamente o que a história manda.
Like a Star @ heaven Sussurro-de-Sekhmet, Batuque-de-Thor e Papo-Reto tem que, novamente, gastar 1 de Força de Vontade e tentar mais um teste de Força de Vontade com dificuldade 7, e obter pelo menos 3 sucessos para não serem condicionados a obedecer a ordem em suas mentes.
NarraDiva
NarraDiva
Admin

Mensagens : 4789
Data de inscrição : 25/06/2017
Idade : 35
Localização : Моско́вский Кремль

https://7joiasdacoroadegaia.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Sussurros Solitários em 12.04.19 10:42

Forma atual: Crinos
Fetiches Ativos: Armadura de Pontas de Flecha - 3 Sucessos, Cajado Místico.

O Uktena assiste o desenrolar da cena e as ordens que são bradadas. É pedido aos espíritos que não se aproximem, mas os mesmos dizem que jamais recuariam diante do chamado da Fênix e o lupino troca olhares com o elefante com respeito e devoção, um ato que mais uma vez lhe enche de determinação. 

O Presa de Prata e Fúria Negra lhe perguntam o que falta para começar o ritual e o lobo observa o local e percebe que o ponto para realizar seus trabalhos místicos é a pedra que o inimigo está. 

"- Eu preciso realizar o ritual na pedra em que o inimigo está. Alguém precisa tirá-lo dali." Fala o lobo em voz baixa apenas para que sua guarda pessoal: A Filha da Quimera, o Filho do Falcão e a Filha de Fenris escutassem. 

O lobo estava apavorado com a possibilidade que aquele mago absorvesse mais espíritos. Aparentemente era uma habilidade comum a todos daquela cabala. 

O Lupino agora pode ver os outros membros do Caern naquela missão e fica um pouco aliviado que pelo menos aqueles sobreviveram até então. 

O Uktena fica entre Guardião-Ancestral e Flor-de-Lotus preparado para ir o mais rápido que pode até a pedra, assim que ela ficasse livre.
Sussurros Solitários
Sussurros Solitários

Mensagens : 847
Data de inscrição : 04/07/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Magdalena em 12.04.19 14:57

*A pedra onde o inimigo está é o lugar. Temos de avançar o mais rápido possível.*

Os espíritos ficaram ao lados dos seus. Estavam ali para correr e lutar com os Garous. A força estava além de cada energia cedida e de cada bênçao, eles os inspiravam. Okan olha para Valkyria Negra com uma cumplicidade conhecida, e reacende a chama do sangue que corria nas veias da Filha de Fenris. A batalha vinha em forma de uma grande onda de inimigos que se revelavam como bizarros homens mariposa atacando do alto, mas ainda precisavam ter cuidado com o Mago maldito. O Touro tem energia absorvida ao tentar enviá-la ao Fenris que estava com ele, e Magdalena entende que naquela área, as energias dos espíritos que fossem liberadas seriam absorvidas.

*Garras e presas serão mais úteis aqui que em qualquer lugar, grande amigo. Levaremos Sussurros até a Pedra. Além do ataque de cima, se prepare para fogo amigo.* - Fala em pensamento ao Numem.

O Theurge se coloca entre Alef e Flor de Lotus, Magdalena e Okan se posicionam um pouco mais atrás, escoltando o Uktena. Ela se prepara para um possível ataque da última falange, onde o Mago incitava comandos de traição.

"Quando os Ahrouns chegarem ao Mago, o bastardo deverá tomar alguma posição. Vai sair de lá nem que eu tenha de tirar ele à força. Cuidado com o Garou em Crinos invisível." Responde de forma também baixa, mas resoluta.
Magdalena
Magdalena

Mensagens : 86
Data de inscrição : 24/02/2019
Idade : 36
Localização : Fortaleza

http://blendafurtado.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Arauto-da-Morte em 12.04.19 15:14

Forma atual - Crinos
Fetiches ativos - Jambya
Dons ativos - velocidade do pensamento


Tão logo o foco do peregrino recai inteiramente sobre o mago, a notícia de mais inimigos nas copas das árvores e, um indivisível ao lado de Azaroth é comunicada, as ordens começam a ser traçadas, e, o alerta Ragabash..

*O QUE?*


Um rosnado profano começa a surgir das entranhas do lua nova, ELE, era controlado pelo MALDITO Kaepheus, por aquele a quem ele IRIA extirpar com prata, ele estava sendo usado de FANTOCHE, por aquele a quem jurara vingança..

*LYRA, ESSE QUE ESTÁ EM NOSSA CASA FOI O RESPONSABEL POR TODO SEU SOFRIMENTO, LIBERTE TODA SUA FÚRIA NELE GAROTA, VOCÊ É A WYLD, ENLOUQUEÇA-O E NOS VAMOS OFERECER A VIDA DELE A MORTE QUERIDA...*

Hadrian ainda raciocinava em meio a fúria a ao controle, mas, era até aí que podia ir sua liberdade, ele rogaria a pequena e atormentada criança que libertasse a energia que possuía e atrapalhasse Laepheus, mas...

Com a velocidade natural de sua tribo, e, a sagacidade inerente ao augúrio, ele corre em desabalada e assassina investida contra sentinela das sombras, repetindo hipsi litris o que havia escutado enquanto atravessava o campo de batalha que, em velocidade surpreendente transformava-se em uma batalha campal..

“-Entretanto, ao chegar na Clareira Central, Hadrian percebe que Azaroth não era seu inimigo. Ele era o responsável por manter aquele local vivo e a ele, todos deviam sau lealdade. Para provar sua lealdade, Arauto-da-Morte decide que sacrificaria o líder de sua matilha em honra àquele que salvara aquela terra sagrada.”

*ENTENDA SEU BASTARDO FILHO DA PUTA..*

Entre todos os predicados depreciativos que podia inferir à Victor, burro não era um deles..

Ao fim da narrativa, Hadrian estava de Jambya em punho, frente a frente com sentinela-das-sombras com uma evidente intenção homicida..
Arauto-da-Morte
Arauto-da-Morte

Mensagens : 547
Data de inscrição : 18/12/2017
Localização : Belem

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Dione Zalika em 12.04.19 16:06

FORMA ATUAL: CRINOS

‘- Mate o lobo, impeça o Ritual.’ - repetiu a voz na mente de Dione.

*Seria rápido chegar nele e rasgar sua gargan... NÃO! MINHA VONTADE É MAIOR!! O objetivo é tirar o maldito mago e levar Sussurros-Solitários até o maldito local para o ritual!*

"Iays hadhih almarat, allaenat!!" Dione fala, e percebe a movimentação de Okan para salvaguardar o theurge. Então, ela coloca-se de costas para Okan. Ela cairia antes dele se fosse necessário.

Permaneceria de olho nos outros companheiros, caso alguém sucumbisse à ordem do maldito e a qualquer sinal de novo ataque das gárgulas sem cabeça, ela permaneceria obedecendo as ordens de Victor.

*Proteger o theurge. Sem falhas. Sem desvios. Sem perdas. Preciso estar viva para encontrar Issak Kraken!*

---------------------------------
OFF:
1 de FV gasto, 3 sucessos para resistir ao controle mental.
Tradução: Não dessa vez, maldito!
Dione Zalika
Dione Zalika

Mensagens : 104
Data de inscrição : 24/02/2019
Idade : 36
Localização : Fortaleza-CE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por romina_ em 12.04.19 23:50

Escutava as ordens da sua alfa, não que concordasse, mas se ela disse para ficar ali e proteger ela iria. Aguçava seus sentidos para sentir algo ou escutar algo que pudesse ajudar naquela situação, mas a única coisa que podia sentir naquele momento era uma incrível força da Wyld. Era algo tão surpreendente e diferente do que já sentiu que ficava até surpresa, mas deixava isso para si. Escutava o que os outros falavam sobre estarem tentando controlar mentalmente alguns lobos então via ali uma forma de ajudar naquele momento.

*- É sábio que eu fique em alerta para caso um dos meus irmãos lobos forem controlados eu ajudar a conter*

Ficava em alerta prestando atenção ao seu redor para qualquer um que impedisse o ritual.

_____________________________________________________________________________________________
Romina | Caçadora Lunar | Ragabashi | Fúria Negra | Cliath | Lupina
Carisma 2
Aparência 4
Fúria 4
Idade: 22
Excesso de confiança
Baixa estatura
romina_
romina_

Mensagens : 73
Data de inscrição : 27/02/2019

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Igor (C) > Desafia-o-Destino > Legado-Prateado

Mensagem por Alek em 13.04.19 11:38

Os ahrouns e o philodox partiram para a batalha e Igor sabia que sua missão ali era clara, deveria liderar Legado-Prateado e Desafia-o-Destino no resgate da desertora.

— O mago está roubando a essência dos espíritos, então nós, theurges, teremos uma ação mais limitada. - disse, se dirigindo ao Presas e ao Fianna.

— Vamos nos aproximar com cautela daquela redoma e, como Fênix-de-Prata alertou, não devemos tocá-la diretamente. Procurem ativamente por qualquer coisa que pareça um componente de ritual e destruam. Se esse ritual necessitar de componentes, é possível interromper o que quer que aquele desgraçado esteja fazendo. Se não conseguirmos interrompê-lo, será necessário tirar a Fianna dali. Algum de vocês tem acesso a algum dom que possa ajudar com isso? - perguntou, pensando imediatamente no dom que barganhara com o Vento Sul para o juiz de sua matilha.


“Se Degan estivesse aqui, isso poderia ser resolvido mais facilmente… tsc.”

— Caso contrário, vamos ver como aquela energia interage com objetos mundanos e, se isso se provar infrutífero, talvez tenhamos que arriscar nossos fetiches. - completou, olhando para Liam. - O importante é que temos a missão de resgatar a Mãe do Apocalipse. e não falharemos. Eu curarei vocês caso se firam no processo.

O enorme crinos branco, com suas marcas rituais estampadas no pêlo, se colocou em posição.

— Legado-Prateado, na frente. Eu guiarei você. Desafia-o-Destino, você cuida da nossa retaguarda. - disse, dando a deixa para que o lua cheia assumisse a linha de frente. - Vamos salvar Cordas-Trêmulas.
Alek
Alek

Mensagens : 238
Data de inscrição : 04/04/2018

Voltar ao Topo Ir em baixo

Clareira Central Empty Re: Clareira Central

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 17 1, 2, 3 ... 9 ... 17  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum